Como tratar a síndrome do túnel do carpo


Você sente dor na mão, no pulso ou no braço e suspeita que seja síndrome do túnel do carpo? Quais são os sintomas, diagnóstico e tratamento da síndrome do túnel do carpo? Existem recomendações alternativas para poder aliviar a dor rapidamente em casa?

Síndrome do túnel do carpo é uma condição que causa dor, dormência e formigamento na área da mão e do braço. Isso acontece quando o nervo mediano da mão é comprimido ao longo do pulso.

Na maioria dos casos, a síndrome do túnel do carpo geralmente piora com o passar do tempo, portanto, um diagnóstico oportuno pode facilitar seu tratamento. Em seus estágios iniciais, ele pode ser tratado com métodos conservadores, como talas ou evitando certas atividades.

Sintomas da síndrome do túnel do carpo

Os sintomas da síndrome do túnel do carpo geralmente se manifestam quando se segura um telefone, um livro ou quando se segura o volante de um veículo.

  • Dormência, formigamento, ardor e dor, especialmente no polegar e indicador, coração e dedo anular.
  • Eventuais sensações similares aos golpes que afetam o polegar, o índice, o coração e o dedo anular.
  • Dor ou formigamento que pode atingir o ombro.
  • Fraqueza e falta de jeito na mão que dificulta as atividades diárias, como abotoar uma camisa.

Os sintomas da síndrome do carpo geralmente surgem gradualmente, sem uma lesão aparente que os provoca. Muitos pacientes experimentam o início súbito e o desaparecimento de seus sintomas. No entanto, os sintomas se tornam mais persistentes à medida que a condição se agrava.

Os sintomas noturnos são muito frequentes, já que muitas pessoas tendem a dormir com os punhos dobrados.

Além disso, a síndrome do túnel do carpo parece aumentar o risco de enxaqueca, e a enxaqueca parece ter maior probabilidade de aparecer naqueles afetados pela síndrome do túnel do carpo.

Diagnóstico da síndrome do túnel do carpo

Seu médico irá entrevistá-lo e realizar um ou mais dos seguintes testes para determinar se você realmente tem síndrome do túnel carpiano:

  • Revisão dos sintomas. O médico começará analisando seu histórico de sintomas. É possível que o nervo não forneça sensibilidade a um dedo específico e que ele relate um problema diferente à síndrome do túnel do carpo.
  • Revisão física. O exame físico realizado pelo seu médico ajudará a determinar a sensibilidade e força dos músculos da sua mão.
  • Raio X Alguns médicos optam por realizar um raio-x para descartar outras causas de dor dorsal.
  • Eletromiograma Este teste mede os pequenos choques elétricos que ocorrem nos músculos. Ao inserir um eletrodo nos músculos afetados, a atividade elétrica pode ser avaliada quando os músculos se contraem e se estendem. Serve tanto para detectar o motivo do dano muscular quanto para excluir outras condições.
  • Estudo da condução nervosa. Semelhante ao eletromiograma, dois eletrodos aderem à pele e um pequeno choque elétrico é passado para comprar se os impulsos diminuírem no túnel do carpo.

Tratamento da síndrome do túnel do carpo

É importante começar a tratar a síndrome do túnel do carpo assim que for detectada ou assim que os primeiros sintomas começarem a aparecer.

Recomenda-se que as mãos descansem com frequência, evitando atividades que possam agravar os sintomas. Além disso, você pode aplicar compressas frias para reduzir o inchaço das mãos.

Alternativas para tratar a síndrome do túnel do carpo também incluem:

  • Talas para o pulso.
  • Medicamentos
  • Cirurgia

Tratamentos conservadores, como o uso de placas, só são eficazes se os sintomas forem leves ou moderados nos últimos 10 meses.

Terapia não cirúrgica para síndrome do túnel do carpo

Quando diagnosticada precocemente, a síndrome do túnel do carpo pode ser tratada por métodos não cirúrgicos que podem ajudar na sua sanção. Entre eles, encontramos:

  • Talas para o pulso. Imobiliza o pulso enquanto dorme para aliviar os sintomas de formigueiro e dormência.
  • Medicamentos Os antiinflamatórios não esteroidais, como o ibuprofeno, podem ser úteis para aliviar a dor a curto prazo.
  • Corticosteróides É aplicado por injeção e pode ser útil para acalmar a dor. Seu médico pode usar ultra-sonografias para orientar essas injeções. Os corticosteróides diminuem a inflamação e o inchaço, aliviando a pressão sobre o nervo mediano.

Cirurgia para síndrome do túnel do carpo

A cirurgia é a opção mais recomendada pelos médicos se os sintomas são graves e não respondem à aplicação de outros tratamentos.

Esta cirurgia se concentra em cortar o ligamento, pressionando o nervo mediano para aliviar a pressão.

Para fazer isso, existem duas técnicas diferentes:

  • Cirurgia endoscópica Um endoscópio (um dispositivo semelhante a um telescópio com uma câmera conectada) é usado para cortar o ligamento através de várias incisões na mão ou no pulso afetado. Essa cirurgia pode causar menos dor do que a cirurgia aberta durante o período pós-operatório.
  • Cirurgia aberta Uma incisão é feita na palma da mão afetada e o ligamento é cortado para liberar o nervo.

Você pode discutir com seu médico os riscos e benefícios antes da cirurgia. Os riscos mais importantes são:

  • Liberação incompleta do ligamento.
  • Infecções em feridas.
  • Aparecimento de cicatriz.
  • Lesões nervosas ou vasculares.

Durante o processo de cicatrização após a cirurgia, os tecidos do ligamento crescem pouco a pouco, permitindo mais espaço para o nervo. É um processo de cura interna que geralmente dura alguns meses, enquanto a pele cicatriza em poucas semanas.

Home remédios para síndrome do túnel do carpo

Para aliviar temporariamente os sintomas da síndrome do túnel do carpo, você pode tentar o seguinte:

  • Deixe suas mãos descansarem, especialmente quando atividades que exigem uso prolongado estão envolvidas.
  • Perder peso se você estiver com sobrepeso ou obeso Você pode começar a comer saudável ou fazendo algum exercício freqüente.
  • Faça alguns exercícios, como girar os pulsos e alongar as palmas das mãos e os dedos.
  • Tome um analgésico, como ibuprofeno ou aspirina.
  • Use uma tala quando você dorme.
  • Evite aplicar muito peso em suas mãos.

Se dor, dormência ou fraqueza persistirem durante algum tempo, consulte o seu médico.

Medicina alternativa para a síndrome do túnel do carpo

Algumas terapias alternativas podem ser incluídas no seu plano de tratamento. Você pode tentar um ou vários para encontrar o que melhor lhe convier, mas é sempre importante consultar um médico, que é o tratamento complementar que você pode usar melhor.

  • Yoga Focado no fortalecimento, alongamento e equilíbrio do trem da parte superior do corpo, ele também pode ser usado para reduzir a dor e aumentar a força de preensão.
  • Terapia das mãos. Existem certas terapias destinadas a minimizar os sintomas da síndrome do túnel do carpo.
  • Terapia de ultra-som Seu objetivo é aumentar a temperatura de uma área específica do tecido do corpo para aliviar a dor e facilitar a cicatrização.

A entrada Como tratar a síndrome do túnel do carpo foi publicada pela primeira vez em Make It Easy.

Artigos que podem interessar:

https://holidayservice-tn.com/com-mais-facilidade-atraves-da-vida-desta-forma-mas-devagar-por-favor/

Desenvolvendo um plano de ação para alcançar os objectivos com sucesso

https://clipstudio.com.br/voce-esta-fazendo-essa-pagina-de-destino-engano/

https://proverasfestas.com.br/ferramenta-de-palavra-chave-de-bing-como-usar-essa-alternativa-eficiente-de-custos/

https://coniferinc.com/quando-o-mercado-de-acoes-comecou-um-guia-para-as-origens-do-mercado-e-as-licoes-para-aprender/

https://weeventos.com.br/fundacoes-impressoras-3d-trabalho-de-codigo-bude-net/

https://testmygeekstuff.com/a-abordagem-correta-para-os-clientes-nocoes-basicas-de-trabalho-independente-bem-sucedido/

Porque a Dieta Detox tem feito tanto sucesso?