30 palestras e visões. Chaves para a VI Reunião de Agências de Marketing


Em 6 de junho, o VI Reunião de Agências no Teatro Goya, um evento organizado por Aula CM em colaboração com o Teatro Goya e Elenco, com o objetivo principal de unir o Agências de marketing da Espanha para que eles fortaleçam seus laços e possam compartilhar conhecimento e experiências entre eles. Abaixo você pode encontrar um resumo das coisas mais importantes.

Este ano, o VI Reunião de Agências tem sido totalmente diferente dos anos anteriores. Durante o dia, temos mais de 30 trabalhos individuais e 6 mesas de discussão sobre:

  • Posicionamento SEO
  • Design Gráfico e Web
  • Marketing de Conteúdo e YouTube
  • Mídias Sociais
  • Organização de eventos
  • Publicidade on-line

Entre as mesas temos a participação de três palestras, duas sobre ferramentas de marketing online como são Metricool e Influência e outro Elenco no show todas as suas inovações em tecnologia e infraestrutura para eventos. Também o conhecido rapper Arkano e o saxofonista Fabián Rivero Eles ajudaram a entreter o evento.

Veja este post no Instagram

Somos muito gratos aos 33 palestrantes das agências e às mais de 150 agências e participantes do livro e do pôster! 😄 . . Obrigado a todos por fazerem parte desta VI edição do Encontro de Agências de Marketing !! ➡ Livro: http://bit.ly/libro-reunion-agencias ➡ Poster: http://bit.ly/poster-reunion-agencias

Uma publicação compartilhada da AulaCM (@aulacm) em 7 de junho de 2019 às 9:08 PDT

Livro, Poster e novo site

A VI Reunião de Agências foi uma edição especial e diferente das anteriores. Prova disso foi a mudança de localização para o Teatro Goya e a criação de uma página web reuniondeagencias.com. Além disso, este ano contamos com a colaboração de mais de 60 agências com as quais desenvolvemos livro com conselhos, experiências e previsões sobre o setor. Também fizemos um cartaz com todos os nomes das agências participantes.

Se você quiser baixar o livro e / ou o cartaz, visite a web de reuniondeagencias.com

Resumo e conclusões por temas

Posicionamento SEO

No debate sobre o posicionamento SEO temos a participação de:

Iñaki Tovar – Webpositer

Iñaki Tovar, da Webpositer, causou grande impacto durante sua apresentação no importância do CRO e a necessidade de trabalhá-lo antes de começar com a estratégia de SEO. Antes de se concentrar em atrair tráfego, você tem que preparar a web para vender.

Além disso, Iñaki tratou a melhoria do CRO como uma melhoria no SEO, já que ter um CRO bem trabalhado ajuda você um:

  • Melhore o efeito do Pogo Sticking
  • Melhorar o tempo de permanência
  • Aumentar o número de páginas exibidas.
  • Melhorar a taxa de rejeição

Laura López – República da Internet

Em seu discurso, Laura López, da Internet República, falou sobre o desafios atuais o que há em SEO. Para ela, existem dois grandes desafios:

Adaptar-se ao mudanças que o Google está fazendo nos resultados da pesquisa. Palavras-chave Pesquisa perdeu eficácia e deu lugar a Intenção de pesquisa. Para isso, é importante analisar o que o Google está mostrando na primeira página e adaptar nosso conteúdo.

O outro desafio é adaptar-se ao novas tecnologias. Atualmente, o Javascript é a última moda para a criação de páginas web, mas esta tecnologia não está bem adaptada para SEO. Além disso, não devemos perder de vista pesquisas por voz que prometem mudar a forma como os usuários procuravam informações até agora.

Ismael Varela – Grupo Ontwice

Em sua apresentação, Ismael Varela de Ontwice falou sobre o transformação que atualmente está sofrendo de SEO. Durante sua apresentação, ele mencionou dois termos que já haviam sido mencionados pelos palestrantes anteriores, como o Intenção de busca e o CRO.

Para Ismael, é necessário parar de otimizar páginas para uma palavra-chave específica e trabalhá-la com base na intenção de busca dos usuários. Este fato, junto com as pesquisas por voz, fará com que o termos usados pelos usuários toda vez que eles são cauda mais longa.

Além disso, ele também falou sobre a importância de trabalhe o CRO, pensando que os usuários quando entram em uma URL real encontram o que estavam procurando.

MJ Cachón – Somos MJ

Para MJ, temos que retornar ao básico. Se pudéssemos fazer apenas 3 coisas em que MJ apostou:

1 Pesquisa de palavras-chave entender como o usuário pesquisa o que uma empresa oferece (intenção de busca) e usar o mesmo idioma do usuário. Além disso, devemos ir além identificar o que o Google está mostrando.

2. MJ mostrou a importância de aposte e trabalhe um tipo de URLpor exemplo, com https e sem www. Desta forma, haverá apenas uma versão da web e o Google não será confundido.

3. Cuidar de velocidade de carregamento, especialmente em dispositivos móveis, prestando atenção máxima ao tamanho das imagens, armazenando recursos em cache e evitando bloqueios ao carregar a página.

Jorge González – Crescimento Digital

Em seu discurso Jorge González «Coke» discutiu a importância de fazer um bom ligação interna, sendo este um dos elementos fundamentais no SEO.

A Internet está resumida nos links e é necessário conectar alguns URLs com os outros. Por esta razão, é importante ter uma boa ligação interna e, para isso, é necessário ter um arquitetura web adequada. Existem muitos tipos de arquitetura, mas não é aconselhável ter conteúdo que seja mais de 4/5 cliques.

Tabela de discussão SEO

Durante o debate sobre SEO, moderado por Ernesto G. Bustamante Os palestrantes responderam perguntas muito diversas relacionadas ao posicionamento SEO, sobre gerenciamento de clientes e o que eles estão procurando quando se trata de atrair talentos.

Algo muito importante e destacado por diferentes oradores durante o debate é a necessidade de não procurar nada além de tráfego, uma vez que o SEO É algo que deveria ser ligados à estratégia de negócios. Menos tráfego, mas mais qualificado, ajudará as empresas a alcançar seus objetivos.

Eles também comentaram que é necessário ser transparente com os clientes e mantê-los informados de tal forma que eles saibam o que está sendo feito em seu site.

Quanto ao status da profissão, eles disseram que era difícil encontrar bons profissionais no setor. Quanto ao que estão procurando em um profissional, eles apenas resumiram isso em: inquietação, paixão, desejo de investigar, atitude e treinamento mínimo (teste-erro).

Veja este post no Instagram

Uma publicação compartilhada por Iñaki Tovar (@seomental) em 6 de junho de 2019 às 3:56 PDT

Design Gráfico e Web

No debate sobre Design Gráfico e Web, temos a participação de:

Álvaro Aparicio – Ole

Álvaro falou durante a sua apresentação sobre o grande valor dos dados no momento da experiências de usuário de design satisfatório. É importante coletar dados, mas você deve ter controle sobre eles e perspectiva para saber como interpretá-los bem.

Uma das melhores estratégias para criar uma ótima experiência de usuário é deixar que o próprio usuário crie essa experiência e Álvaro deu como exemplo Netflix, cuja plataforma varia de acordo com o usuário.

Para terminar, Álvaro disse que era importante não perder a parte off-line, já que a parte on-line faz parte do negócio, mas não todas.

Bárbara Guillén – Llorente e Cuenca

Em sua apresentação, Barbara discutiu o imagem como algo pessoal e que, portanto, não pode transmitir experiências. As experiências vêm das emoções e é por isso que Barbara diz que Llorente e Cuenca estão apostando no Experiência Visual.

Para ilustrar isso, ele deu como exemplo uma campanha que realizou para Coca Cola onde criaram um universo gráfico para a marca.

Ana Canavese – Estamos comercializando

Durante sua palestra, Ana colocou o foco em 7 chaves em criatividade e design para obter resultados em campanhas de marketing:

  1. Em on-line podemos fazer segmentações e empatia melhor com o nosso comprador.
  2. Trabalhe o Campanhas 360º e que cada ação tem coerência com o resto da campanha.
  3. Faça o limitações uma vantagem. Por exemplo, no e-mail marketing, você não pode usar o vídeo, mas GIF.
  4. Diálogo Temos que ter um lugar onde o usuário possa nos mostrar sua opinião.
  5. Crie, analise e repita. Temos que oferecer aos usuários a experiência e analisar nossas campanhas para melhorar no futuro.
  6. Trabalhe o co-criação de equipe. Devemos aproveitar a variedade de perfis e não trabalhar em departamentos separados.
  7. Ciência + criatividade. É necessário unir tecnologia com criatividade.

Victoria Rodriguez – Isobar

Em sua palestra, Victoria falou sobre uma das histórias de sucesso de sua agência Isobar. Neste caso, foi um projeto para o Google (Pense com o Google) em que eles começaram de não ter qualquer conteúdo e com o objetivo de se tornar uma referência no Twitter.

Para atingir esse objetivo, eles criaram uma nova marca na qual estabeleceram diretrizes baseadas em tipografia, cores, ilustrações etc. Uma vez estabelecidas as linhas de trabalho, elas criaram diferentes tipos de conteúdo para compartilhar, como cartões animados, infográficos ou vídeos. Além disso, eles prestaram atenção a dias especiais e criaram conteúdo específico para eles.

Ricardo Tayar – Apartamento 101

Durante sua palestra, Ricardo Tayar discutiu a criação de páginas web e aplicativos. Para ele, a grande maioria dos desenhos ainda são feitos visando a público que tem objetivos diferentes.

Graças às novas tecnologias, você pode projetar experiências digitais especificamente segmento orientado muito mais reduzido a partir de uma base comum.

Para conseguir isso, Ricardo dá como exemplo a ferramenta Google Optimize, que permite gerar diferentes versões do seu site, dependendo do usuário que visita sua página.

Mesa de discussão Graphic and Web Design

Durante o debate Graphic and Web Design, moderado por Javier Balcazar, os palestrantes abordaram diferentes questões sobre como gerenciar projetos que vêm com uma ótima marca off-line, mas não on-line, como o design ajuda a conversão ou como lidar com os clientes e convencê-los da melhor opção no nível de design.

Sobre como adaptar uma marca off-line para on-line, os palestrantes seguiram a mesma linha e é um processo que exige reflexão, conversando com a marca e tentando junte-se a parte off-line com o on-line, embora existam diferenças.

Os palestrantes também seguiram a mesma linha de resposta à questão de saber se o design gráfico e web influencia as vendas. O componente visual é muito importante para vender produtos, assim como um bom design de informações ajuda a vender serviços mais complexos. É muito importante saber como colocar esses imagens e textos nos lugares certos com base no comportamento que o usuário tem.

Finalmente, eles falaram sobre como mostrar alternativas aos clientes e convencê-los de qual é o melhor. Para isso, todos se referiram à importância dos dados, criam testes e mostrar resultados para os clientes. O problema está em elementos que não são mensuráveis ​​e para os quais você não pode testar.

Marketing de Conteúdo e YouTube

No debate sobre Marketing de Conteúdo e YouTube, temos a participação de:

Blanca Formáriz – 2btube

Marta Formáriz foi encarregada de fazer a primeira apresentação. Nele eu falo sobre como eles trabalham a partir do 2btube estratégia de conteúdo no YouTube para marcas.

Marta explicou que o 2btube era formado por divisões responsáveis ​​por diferentes tarefas:

  • 2b – Agência: cuja função é se conectar com marcas e ver o que elas precisam.
  • 2b – Originais: é responsável por criar e gerar conteúdo próprio.
  • 2b – Serviços: Aconselhar estratégias de marca para o seu canal do YouTube.
  • 2b – Anúncios: é responsável pelo gerenciamento de publicidade.
  • Touché Films: produção de conteúdo premium.

Além disso, Marta acompanhou sua apresentação com um caso real em que trabalhavam para Google Arts & Culture onde eles tinham que dar a conhecer a cozinha espanhola em todo o mundo.

Daniel Marote – Hydra Social Media

O segundo a falar foi Daniel Marote, que focou sua apresentação sobre a importância das marcas. Para o somos todos uma marca. Somos todos um produto. Nossa vida é cheia de transações e precisamos ter uma marca porque é a única barreira à entrada.

Daniel forneceu dados relevantes para os quais qualquer pessoa deveria querer trabalhar sua marca pessoal:

  1. Apenas 33% das pessoas confiam nas mensagens das empresas.
  2. O 92% confiam nas mensagens de outras pessoas mesmo sendo desconhecido.
  3. As mensagens compartilhadas pelos funcionários são compartilhadas 24 vezes mais do que as emitidas pela empresa.

Daniel concluiu dizendo que um marca pessoal é uma estratégia porque você é barato ou você é diferente.

Alejandro Gómez – Marketing Urbano

O próximo a falar foi Alejandro Gómez em nome do Urban Marketing. Em sua apresentação, ele discutiu a importância de gerar conteúdo atraente em torno de uma marca e deu dois exemplos de como fazê-lo.

Se nada acontecer em torno de sua marca, você deve criá-lo.

Para ilustrar o que ele disse, ele colocou dois exemplos do que eles fizeram com o Arkano:

Arkanews: programa de notícias no YouTube em que Arkano disse a notícia de rap. Graças a este canal, ele conseguiu ser um colaborador no Late Motiv de Buenafuente.

Desafio Red Bull: esta foi uma proposta de Arkano para a Red Bull em que ele propôs ser 24 horas de rap sem mais de 3 segundos. Foi realizado no centro de Madrid e teve mais de 30.000 espectadores ao vivo e 2 milhões de visualizações no YouTube.

Cristina Durán – Você Planeta

A quarta apresentação foi de Cristina Durán, que representou o Network You Planet. Em sua palestra, Cristina falou sobre o evolução que o YouTube sofreu desde a sua criação algo que se reflete em um Maior qualidade de conteúdo gerado pelos Youtubers. Como exemplo, ele colocou a evolução do AuronPlay.

Ele também discutiu a evolução da publicidade no YouTube e como as marcas perceberam que, se é o Youtuber que prescreve um produto ou serviço, o resultado é melhor. Para que isso seja bem sucedido, o geração e idéia do vídeo deve cair no Youtubercaso contrário, perderia sua essência. Embora seja necessário que as redes monitorem a mensagem que é dada sobre a marca.

Jesús Madurga – Neoattack

Finalmente, tivemos a apresentação de Jesus Madurga, CEO da Neoattack. Nesse caso, sua apresentação rompeu com tudo o que foi dito nos anteriores, já que se concentrava na geração de Conteúdo baseado em SEO e no Google.

Em sua palestra, ele explicou como o conteúdo funciona a partir do Neoattack, levando em conta como os usuários pesquisam o conteúdo (quais palavras-chave usam), com que intenção o fazem e mostram a maneira pela qual estruturar o conteúdo para atacar o número máximo de palavras.

Além disso, ele contou sua estratégia de links internos entre os conteúdos. Não gerar links de URL simples, mas ancorar links para uma área específica de conteúdo de uma maneira que também melhore a experiência do usuário.

Tabela de discussão sobre marketing de conteúdo e YouTube

Durante o debate sobre Marketing de Conteúdo e YouTube, moderado por Álex Sowick, os palestrantes responderam a diferentes perguntas sobre como o marketing de conteúdo é atualmente, como lidar com as diferentes mudanças em formatos e pesquisas e como adaptar o marketing de vídeo a qualquer empresa.

Atualmente, o marketing de conteúdo não mostra grandes mudanças em si mesmo, mas YouTube sim que tem visto um grande progresso em termos de Melhorias de qualidade e confiança da marca.

Existem vários formatos, como Podcast, vídeo ou blog, mas tudo pode ser compatível e é necessário estar em evolução contínua para adaptar-se a diferente tendências como pesquisa por voz, Realidade Aumentada, etc.

Mídias Sociais

No debate sobre Mídias Sociais, temos a participação de:

Felipe Ramos – RK Pessoas

O primeiro orador nas redes sociais foi Felipe Ramos, do RK People. Em sua palestra ele falou sobre tendência nas redes sociais para "esconder isso". As redes sociais estão saturadas de conteúdo e o que os usuários estão procurando é entretenimento.

Felipe falou sobre duas tendências nas redes sociais:

Propósito: gerar conteúdo que diverte e emoções, mas com o objetivo de causar um impacto positivo na sociedade. Como exemplo, ele colocou a campanha # 8M e como ela foi usada na campanha «Novo conceito de masculinidade».

Irrealidade: as novas gerações têm valores que não são refletidos, é por isso que surgiram os influenciadores virtuais que respondem a eles.

Clara Soler

A próxima a falar foi Clara Soler, que discutiu a importância de Desempenho de mídia social e a necessidade de trabalhar em redes sociais com base na obtenção de um objetivo / s.

Como afirmado em sua apresentação, Clara não publica nada nos perfis de seus clientes, a menos que tenha meta final. Ele explicou que, para alcançar tudo isso, era necessário estabelecer objetivos, estabelecer métricas e planejar ações mensais e semanais que permitem que você alcance o objetivo.

Além disso, ele se concentrou na necessidade de medir todas as ações o que fazemos para saber o impacto real que tiveram no negócio.

Begoña de Anton – Sra. Rushmore

Begoña de Antón foi a terceira a fazer sua apresentação nas redes sociais e eu não deixo ninguém indiferente ao falar sobre o futuro das redes sociais. Durante sua palestra, ele mostrou vários exemplos de como a situação atual está com essas plataformas e que indubitavelmente indica o futuro delas.

Como conclusão e considerando como variáveis ​​os quatro principais usos das redes sociais (mercantil, auditiva, informativa ou discursiva), Begoña estabeleceu quatro cenários futuros:

  • Spam World
  • Hater World
  • Consumo Preto Espelho
  • Informação autoexplicativa

Cristina Carricajo – Cinza

Cristina Carricajo foi a quarta a falar sobre mídia social. Em sua apresentação, ele mostrou uma caso prático sobre como eles gerenciavam as redes sociais de Pizza de dominó e especificamente como eles transformaram um erro em uma campanha bem-sucedida.

Neste caso específico, eles cometeram um erro ao criar um meme no qual se referiam à sua concorrência máxima de Telepizza. Em resposta, eles criaram outra Meme rindo de si mesmos. Com essas ações, eles conseguiram ganhar muita visibilidade e mais de 1.800 novos seguidores em 24 horas.

María Novillo – bons rebeldes

A última apresentação foi feita por María Novillo em nome de Good Rebels. Em sua palestra eu discuto a importância de experiência do cliente e como você pode pegar redes sociais. Para este caso, ele colocou exemplo uma campanha o que eles fizeram para Pepe Jeans.

Nessa campanha eles permitiram personalizar uma jaqueta jeans e isso foi transferido para redes sociais, onde eles convidaram seus seguidores para criar um própria versão através do Instagram Histórias. Esta campanha provou ser um grande sucesso para a marca, dando alguns resultados como:

  • 176.000 impressões por dia
  • 70% mais interações
  • 4,4 milhões de visualizações de adesivos.

Fórum de discussão sobre redes sociais

Durante o debate sobre Redes Sociais, moderado por Fernando Rubio, os palestrantes responderam diferentes perguntas sobre como lutar contra o conteúdo efêmero em redes, o que é deixado para trás e como lidar com o uso de chatbots.

A discussão tratou de como lidar com o conteúdo efêmero. A maioria dos oradores concordou que é necessário procure diferenciação para tornar seu conteúdo mais visível, como acontece no Airhopping. Eles também comentaram que o conteúdo sempre foi efêmero, exceto o criado para SEO.

Quando discutiram quais técnicas ou estratégias se tornaram obsoletas, muitos concordaram que não há mais calendário editorial de publicações apenas pelo fato de publicar conteúdo. Agora tudo é mais natural e o conteúdo é criado para cumprir ou ajudar a cumprir um objetivo.

Organização de eventos

No debate sobre Organização de Eventos temos a participação de:

Ana Dos Santos – Teatro Goya

La encargada de comenzar con las ponencias sobre organización de eventos fue Ana Dos Santos en representación del Teatro Goya donde se celebró la VI Reunión de Agencias.

Para ser un buen espacio de eventos tienes que tener una ubicación privilegiada o tener el mejor espacio.

El Teatro Goya se fundó en época de crisis y ha conseguido crecer gracias a sus trabajadores y los esfuerzos que estos han realizado. Desde los inicios han apostado por intentar dar una gran experiencia a las empresas y así generar boca a boca.

Además, son conscientes de las necesidades de los nuevos eventos y por ello tratan de adaptarse a las nuevas tecnologías y necesidades de sus clientes.

Salvador Albacar – Pop in Group

Salvador Albacar fue el segundo en realizar su charla. Para él, un evento no es más que otro tipo de publicidad en el que se usan productos o servicios y en el que se devuelve una experiencia física/digital a los asistentes. Hay muchas campañas que están asociadas a eventos.

Para generar una gran experiencia desde Pop In Group apuestan por aunar las necesidades de la marca, sus valores y creatividad. Como ejemplo de este pensamiento puso la campaña que realizaron para Adidas.

Margarida Cepeda – MacGuffin

La tercera ponencia la realizó Margarida Cepeda en representación de MacGuffin. Durante su charla contó un Se bem-sucedido de su agencia en colaboración con BBVA, un evento organizado «In House», que estuvo conectado por streaming.

The Garage fue un evento al que asistieron directores estratégicos de BBVA y al que invitaron a 6 Startups que hablaban durante 3 minutos sobre cómo podían ayudar a BBVA en su transformação digital. Por último, los directores de BBVA debatían si la empresa les convencía y si cómo podían ayudar a BBVA en su transformación digital.

Ana Paula – Globalia

Ana Paula fue la siguiente en dar su charla sobre eventos. Durante su ponencia hizo incapié en los elementos que forman un evento perfecto.

  1. El invitado es el protagonista.
  2. Dale una banda sonora.
  3. Encuentra el espacio perfecto.
  4. Es bueno ¡Compártelo!
  5. Se original o muere.

Finalmente, Ana Paula puso el foco en la necesidad emocionar en un evento y afirmo que:

Las emociones mueven el mundo

Rubén López – EDT

Rubén López fue el encargado de finalizar las charlas sobre eventos. Durante su ponencia explicó lo que para él es la fórmula para crear un buen evento y puso algunos ejemplos de cómo unir la parte offline con la online.

La fórmula para crear un gran evento es: Actitud + Equipo – imprevistos x Efecto Wow (innovación, sorpresas, etc.) x Efecto Phygital (experiencias transmedia).

Para lograr experiencias transmedia hay que unir la parte online de un evento con la digital y en este caso Rubén puso un ejemplo que nos da una idea de cómo lo hacen en EDT: enviar una invitación a un evento en el que el usuario tiene que soplar el móvil para ver toda la información.

Mesa de debate de Redes Sociales

Durante el debate de Organización de Eventos, moderado por Leticia Grijó, los ponentes respondieron a diferentes cuestiones sobre cómo medir el éxito de un evento, qué redes sociales utilizar para promocionar un evento o qué acciones suelen realizar después del evento.

Algunas de las formas en las que los ponentes miden el éxito o no de un evento es con mecanismos propios que te ayudan a valorar como por ejemplo el pulsador de sentimientos. Otras opciones que se barajaron fue el uso de tecnología con mapas de calor, seguimiento en redes sociales del evento e insights.

En cuanto a qué redes sociales prefieren para promocionar sus eventos, todos estuvieron de acuerdo que depende del target al que se dirige dicho evento. Aunque si tuvieran que elegir una preferida la gran mayoría apostaría por Instagram y en segundo lugar por Twitter.

Publicidad Online

En el debate sobre Publicidad Online contamos con la participación de:

Diego Velasco  – Sincro Online

Diego Velasco fue el encargado de comenzar con las charlas sobre publicidad online. Durante su ponencia habló sobre cómo trabajan desde Sincro la publicidad online y contó alguno de los trucos que utilizan.

Para Diego es importante unir Google Ads y la estrategia de Inbound Marketing. En este proceso mostró cuatro fases principales:

  • Atraer: Campañas de Anuncios de texto, Display y Video.
  • Conversión: Campañas promocionando sus ebook, guías, etc. a través de Display, Remarketing y Anuncios de texto.
  • Cierre: Campañas de Remarketing y Anuncios de texto.
  • Deleitar: Fase en la que se muestra a los clientes que la empresa está en sus momentos importantes.

Esther Bermejo – Wanatop

Esther Bermejo fue la encargada de realizar la segunda charla sobre publicidad online en representación de Wanatop. Durante su ponencia explicó cómo crear una estrategia rentable para un cliente.

  1. Estudio de palabras clave.
  2. Seleccionar las principales KW de negocio, su volumen y el precio estimado de CPC.
  3. Tendencia del volumen de búsqueda.
  4. Tendencia de búsqueda móvil.
  5. Estudiar a la competencia y su situación online.
  6. ¿Cuánto invertir?
  7. Estimación de resultados desde diferentes escenarios posibles.

Luis Carretero – Geotelecom

La tercera ponencia la ofreció Luis Carretero de Geotelecom, una agencia especializada en Google Shopping. Durante su ponencia, Luis habló sobre su agencia y cómo habían conseguido crecer e incluso ser nominados por Google.

Desde Geotelecom han creado dos herramientas propias que les permite ser más efectivos en la realización de campañas. Las herramientas son Geofeeds y Spyprincing.

Para Luis la publicidad online se mide en resultados y para poder conseguirlos añadió que no pueden para de innovar y probar las nuevas funciones y características que saca Google como por ejemplo Discovery Ads o Gallery Ads.

Sergio Falcón – BEEMO

La siguiente ponencia la dio Sergio Falcón de BEEMO. Durante su charla Sergio habló sobre la importancia de educar a los clientes sobre cómo funciona la publicidad online, que diferencien lo que es inversión del gasto, que conozcan lo que ganan con cada lead/venta y calcular el ROI y ROAS.

Además, mencionó que si las cosas no funcionan no siempre es culpa de la agencia o del cliente. O agencias necesitan información que muchas veces los clientes no ofrecen porque es información sensible como el margen o coste de un producto.

Laura Rodríguez – T2O

La última ponencia individual de la VI Reunión de Agencias la realizó Laura Rodríguez de T2O. Su charla estuvo enfocada en la utilización de Machine Learning dentro de la publicidad online.

Expuso cuatro soluciones basadas en Machine Learning:

  • Dynamic Search Ads (DSA)
  • Smart Shopping Campaigns (SSC)
  • Responsive Search Ads (RSA)
  • Smart Bidding

Mesa de debate sobre Publicidad Online

Durante el debate sobre publicidad online, moderado por Eva Santibañez, los ponentes respondieron a diferentes preguntas sobre con qué tipo de clientes trabajan, relaciones con clientes y captación de nuevo talento.

En cuanto al tipo de clientes que suelen tener la agencia, la gran mayoría respondieron que tenían clientes bastante diversos. Algunos con grandes presupuestos, pero otros con bajos.

Además, comentaron la necesidad de educar al cliente y enseñarle dónde está su rentabilidad. Algunos de los ponentes apostaron por no decir que sí a todos los clientes, sino seleccionar aquellos que tienen posibilidades de crecer y pensamientos acordes a la agencia.

Por último, hicieron mucho incapié en la necesidad de estar formándose continuamente, ya que la Publicidad Online está en continuo cambio.

Conclusão

Como has podido comprobar, la VI Reunión de Agencias dejó grandes frases, reflexiones y sobre todo mucho aprendizaje de cómo trabajan y piensan las agencias. En la mayoría de charlas se habló sobre innovación, adaptación a la última tecnología y la necesidad de educar a los clientes.

Os invitamos a todas las agencias de marketing a participar en la VII edición de Reunión de Agencias, a compartir vuestra experiencia y colaborar en el próximo libro.

¿Te gustaría que hubiese algún otro tipo de debate? ¿Fuiste a la VI Reunión de Agencias? Cuéntanos tu experiencia en los comentarios 👇

La entrada 30 charlas y visiones. Claves de la VI Reunión de Agencias de Marketing aparece primero en .

Sites imperdíveis:

Maquiando no Ano Novo

Trabalho como tradutor a partir de casa pela Internet

Você Está Duro O Suficiente Para Marketing De Afiliados? Você Precisa Do Jogo Interior

Gerencie efetivamente suas campanhas de divulgação para vários clientes e colegas de equipe

 5 etapas para fazer super comissões de afiliados

Melhor da Web #6 – código-bude.net

Compressão de foto e imagem – Por que isso é importante, ferramentas e plugins.

Top 25 trabalhos de entrada de dados do Home Online / Offline: No Investment

Como criar uma estratégia de marketing de mídia social para o seu negócio


O que é uma estratégia de mídia social e por que sua empresa exige uma? Como alcançar os objetivos sociais e comerciais do seu negócio através de plataformas de mídia social? Quais são os passos exatos para desenvolver uma estratégia de mídia social bem-sucedida?

A chave secreta para o sucesso de qualquer estratégia de marketing é uma: ter uma boa estratégia.

Sem estratégia, você estará publicando nas redes sociais pelo simples prazer de fazê-lo. Sem saber quais são os objetivos, quem são seus públicos e o que eles querem, isso tornará muito mais difícil alcançar os resultados que você está procurando nas redes sociais.

Embora existam muitas opções para comprar seguidores, visitas e interações de sua loja online, hoje você aprenderá como desenvolver sua marca através das mídias sociais ou aumentar suas habilidades como profissional de marketing e, para isso, desenvolver uma estratégia de marketing é essencial.

Descubra o motivo da sua empresa estar nas mídias sociais

Como em qualquer estratégia, o primeiro passo é ter clareza sobre o "porquê" para associá-lo a metas nas mídias sociais. Você precisa saber se vai usar as redes sociais para promover sua solução, impulsionar o tráfego do seu website ou atender aos clientes.

Normalmente, um dos seguintes objetivos é definido (embora você possa ter vários ao mesmo tempo):

  1. Aumentar o reconhecimento da marca
  2. Direcione o tráfego para seu website
  3. Gere novos leads
  4. Desenvolva o benefício (aumentando registros ou vendas)
  5. Promova o compromisso da marca
  6. Construa uma comunidade em torno do seu negócio
  7. Oferecer atendimento social ao cliente
  8. Aumentar as menções na imprensa
  9. Ouça conversas sobre a marca

Você poderá abordar uma ou mais metas, dependendo do tamanho de sua equipe e de sua capacidade de atingir metas diferentes ao mesmo tempo.

Seja claro quem é seu público

Quando você sabe o motivo de sua estratégia existir, o próximo passo é esclarecer quem ou quem são seus públicos-alvo.

É importante saber com antecedência a quem você vai se dirigir e, depois, ter mais facilidade quando decidir o que, onde e quando você o publicará.

Por exemplo, se uma marca sobre gastronomia e receitas sabe que seu público adora ler sobre novos pratos e dicas de culinária, eles podem publicar conteúdo desse tipo em seus perfis de mídia social.

É aí que intervém a grande importância dos perfis pessoa-comprador. Com o foco desses perfis, você consegue entender perfeitamente para quem você direciona suas mensagens através de uma representação semi-ficcional do cliente ideal do seu negócio. Você será capaz de saber quem eles são, o que eles estão interessados, o que eles podem oferecer, onde eles passam o tempo online, que tipo de conteúdo você pode oferecer e por que e como eles consomem o conteúdo.

Dependendo se sua empresa está no mercado há algum tempo ou se você acabou de criar uma empresa, talvez não seja necessário começar do zero. Certamente você tem uma ideia das audiências do seu negócio e do que pode ser útil publicar para elas.

Estabelecer o tipo de conteúdo que você vai publicar

Ao desenvolver uma estratégia de mídia social, além de ter que diferenciar os diferentes tipos de conteúdo que você planeja compartilhar, como imagens ou vídeos, também é importante ter uma ideia clara do assunto.

Geralmente, as estratégias mais sólidas das redes sociais fazem a marca girar em torno de um tema principal. Ter vários temas também é totalmente válido para ter espaço para publicar uma ampla variedade de conteúdo que mantém seu público envolvido sem ficar entediado ou sobrecarregado.

Para isso, é essencial entender perfeitamente o seu público e, para isso, você precisa saber quais são seus objetivos e desafios e como ajudá-los a resolvê-los.

Descubra em quais redes sociais sua empresa precisa estar presente

Quando você sabe que tipo de conteúdo você vai compartilhar, é hora de determinar onde você irá publicá-lo. Ou seja: é hora de descobrir quais plataformas de mídia social se encaixam melhor com sua marca.

Muitas pessoas pensam que, para que uma estratégia de mídia social seja eficaz, é necessário ter uma presença em cada uma das redes sociais existentes. Isso pode ser um erro, já que o público raramente está presente em todas as redes sociais. Ao mesmo tempo, um número menor de plataformas se traduz em uma abordagem melhor ao criar conteúdo de maior qualidade.

Entenda seu público-alvo

  • Em quais plataformas o seu público está mais ativo?
  • O que os faz visitar essa plataforma?

Considere o fator X da sua marca

  • Você é um em fotografia, editando vídeos ou escrevendo conteúdo?

Reconhecer quando é o melhor momento para publicar

A última parte de uma estratégia de mídia social bem-sucedida é descobrir quando é o melhor momento para compartilhar seu conteúdo. Aqui é útil conduzir uma investigação de quando é a melhor hora para fazer publicações.

Para decidir qual é a hora exata do dia e os dias da semana em que seu conteúdo gera mais reações, você precisa estudar o comportamento de seu público-alvo e, assim, saber quando eles costumam usar as mídias sociais e o tipo de conteúdo que você precisa compartilhar com eles.

E é isso!

Você já tem sua estratégia de mídia social pronta, mas isso não é tudo. Agora que você sabe para onde está indo, é o passo de decidir como chegar lá.

Complete e personalize seus perfis nas redes sociais, defina o tom e a voz de sua marca, saiba que tipos de publicações você deve usar … é apenas o começo, mas é o principal passo para ajudá-lo a atingir as metas em sua empresa e na mídia social.

A entrada Como criar uma estratégia de marketing de mídia social para o seu negócio foi publicada pela primeira vez no Make It Easy.

Textos interessantes:

176 países que os alemães podem viajar sem um visto

Como ganhar dinheiro na internet: 27 formas

7 Passos para Tomar Depois de Fazer $500 por Dia On-line

& # 039; Wombler & # 039; paga 67p por £ 41 de compras

Três coisas para os comerciantes da filial para sobreviver on-line

Comparar a data em PHP – assim vai

A abordagem correta para os clientes … – Noções básicas de trabalho independente bem-sucedido

Guia Completo de Cursos de Incêndio e Segurança na Índia

Copywriting for Facebook Ads: Como escrever anúncios eficazes em 5 passos


Mais de 93% dos anunciantes em mídias sociais usam o sistema de publicidade do Facebook. No entanto, poucas pessoas criam anúncios lucrativos que atendem às metas de conversão. Um bom copywriting no Facebook Ads é fundamental quando se trata de tornar esse formato de publicidade bem-sucedido. Você sabe como criar anúncios realmente eficazes?

Isabel Romero, consultora de SEO, redatora e gerente de projetos da ULab, dedicou seu discurso na 2ª edição do PRO Marketing DAY para revelar as chaves para fazer um bom anúncio nesta plataforma e aumentar nossas conversões.

Você pode ver um fragmento de sua palestra neste vídeo:

desempenho de seo Escreva para o seu público-alvo

Não escreva para todos. Um princípio básico de copywriting é que você tem que adaptar seus textos para a pessoa para quem você está escrevendo. Seja muito claro sobre como o seu cliente ideal é. Para isso é muito útil fazer um arquivo de como é o seu cliente ideal.

Crie um aba o mais realista possível, detalhe bem como é esse alvo (o que você come, quais são suas preferências, seus costumes, etc). O cartão é um recurso muito comum em Inbound Marketing ao definir seu pessoa do comprador.

De acordo com Eugene Schwartz, antes de escrever um anúncio, você precisa se fazer três perguntas essenciais:

  • O que o cliente sabe sobre o problema?
  • O que você sabe sobre sua marca?
  • O que você sabe sobre seus produtos ou serviços?

Schwartz diferencia vários estados de consciência no cliente que nos ajudará a nos concentrar melhor na mensagem que vamos transmitir a ele. Eles têm a ver com o nível de consciência que as pessoas têm do problema e como resolvê-lo:

Não é consciente. Como você nem está ciente do seu problema, será difícil alcançar esse cliente. É uma pista fria.

Consciente do problema: Ele só sabe qual é o problema dele e o que ele precisa resolver. Temos que mostrar a essa pessoa que existe uma solução.

Consciente da solução: Ele está ciente da solução, ele sabe que há uma maneira de aliviar seu problema.

Ciente do produto: Ele sabe que esse produto existe no mercado, que é vendido, mas não conhece nossa marca.

Muito consciente: Esse é o caso de nossos fãs no Facebook, são pessoas totalmente familiarizadas com nossos produtos e serviços, mas também com nossa marca. Essa pessoa não precisa vender tanto. É uma pista quente.

Dependendo do grau de conhecimento do alvo que queremos alcançar com nossos anúncios do Facebook Ads, temos que adaptar essa mensagem. O mesmo se aplica a textos em um site ou qualquer outro texto persuasivo.

copywriting para anúncios no facebook

O mais frio nosso liderar, teremos que dedicar mais tempo para se apaixonar, falar mais da emoção. Em contraste, o usuário que já nos conhece, podemos lançar a oferta mais diretamente, com um gancho. Entender o quão próximo ou "quente" o usuário é é essencial em qualquer estratégia para capturar clientes on-line.

Nos anúncios do Facebook, temos que fazer anúncios diferentes, dependendo do grau de conhecimento do usuário.

Além de conhecer seu cliente ideal e seu estado de consciência, é importante que você seja muito claro sobre o objetivo do seu anúncio. Finalmente, ao lançar um anúncio, vá para as emoções e dê a si mesmo a tarefa de superar possíveis objeções do seu cliente.

Quanto mais quente é o chumbo, mais temos que falar sobre as razões e menos sobre as emoções.


Antes de escrever qualquer tipo de texto persuasivo, é preciso levar em conta os estados de consciência do consumidor.
Clique para Tweet


Análise e medição de dados

Ao considerar essa ação de publicidade, você precisa ajustar-se a alguns dados o mais real possível. Se você já colocou anúncios anteriormente nessa plataforma, terá um histórico de dados para os quais deseja recorrer. Sem dúvida, esta é a melhor opção porque é aquela que realmente se adequa ao seu negócio.

No entanto, se você não tiver seus próprios dados, precisará analisar como o mercado está no Facebook. Apoie-se em uma ferramenta para analisar campanhas de outras contas e calcular um CPC realista. Este estudo de mercado será útil para saber que, se você estiver abaixo da média, seu anúncio poderá não funcionar.

É importante que você se baseie em dados reais, em campanhas reais, para que sua análise seja o mais confiável possível.

dicas de neuromarketingComo criar um anúncio nos critérios do Facebook Ads com Neuromarketing

Antes de entrarmos em como criar esses anúncios, veremos qual é a estrutura básica desses anúncios e quais aspectos os compõem.

Um anúncio típico nos Anúncios do Facebook tem uma estrutura que se ajusta aos seguintes elementos:

Descrição geral (90 caracteres)

Imagem e Texto da imagem

Título (25 caracteres)

Descrição do link (30 caracteres)

Botão Link +

copywriting para anúncios no facebook

De acordo com vários estudos de neuromarketing, a cópia (o texto) e a imagem têm muito peso na mente do usuário. Por outro lado, muitos consideram que o título do anúncio é muito importante.

No entanto, esses estudos mostraram que no que a maioria das pessoas são fixas no texto acima.

A descrição geral

A descrição geral que aparece na parte superior do anúncio é o fator que mais ativar a memória. Portanto, é aconselhável que você trabalhe bem com esses 90 caracteres se quiser impactar seus usuários.

Ao escrevê-lo, tenha em mente o seguinte:

O primeiros 90 caracteres eles são os mais importantes

Inclui um gancho que convidam para continuar lendo

Seja claro com o alvo o que você quer alcançar?

Faça um proposta clara de valor. Tem que ser uma proposta específica e concreta de quem você é ou o que você faz. É uma grande ajuda quando se trata de atrair a atenção de usuários mais frios

Use o Fórmula PAS. O PAS (Problem / Agitation / Solution) é uma das fórmulas de copywriting mais conhecidas e fáceis de aplicar. Colocar um problema que seu público tenha, agitar e fornecer uma solução (você, seu produto / serviço)

Inclui depoimentos. Os depoimentos funcionam muito bem para liderar que não são tão frios, e que eles já têm alguma informação sobre o problema, pelo menos.

Imagem e Texto da Imagem

Não vamos parar muito no assunto da imagem, porque esse post é mais focado na otimização do texto.

No entanto, você deve ter em mente que o imagens reais Eles são muito mais bem sucedidos do que as imagens obtidas em bancos de imagens como o ShutterStock ou o Pixabay. Os reais são mais confiáveis ​​e se conectam a outro nível.

Aproveite o texto da imagem para reforçar a mensagem, mas evite repetir as mesmas palavras que você já tem no título ou nas descrições.

O título

Apesar do que você pode imaginar, não é a imagem que irá ativar a memória no usuário, mas o texto, a cópia. O título é segundo fator em que os usuários são definidos ao visualizar um anúncio do Facebook Ads.

Tenha cuidado para não repetir a mesma frase no início do texto e no título, porque você estaria desperdiçando um dos dois. É melhor repetir a mesma ideia, mas com outro texto, brinque com as palavras e concentre-as de outra maneira para reforçar a mensagem.

Como na descrição, o título do seu anúncio deve atender a estes mínimos:

Tem que capturar a atenção do usuário (inclui um gancho)

Definir a ideia principal do anúncio

Ative o desejo do seu cliente ideal.

Dicas de neuromarketing para ativar o desejo do título:

Ativar o desejo pode ser difícil para as pessoas que criam anúncios. Estas são algumas dicas para criá-las a partir de técnicas de neuromarketing. Tenha em mente estas opções:

✔ Enfatize o benefício do seu produto ou serviço para satisfazer esse desejo («Ofereça ao seu filho a oportunidade de ser bilíngue«)

✔ Ele recorre a prova social (««Mais de 1000 empresas usam Holded«).

✔ Fazer uma promessa clara, algo que o usuário receberá se clicar no anúncio. Tem que ser muito específico ou específico ("em menos de 16 semanas, você perderá 3 quilos).

** Dica: Quando você se refere ao tempo, faça o mais preciso possível. Por exemplo, não diga "1 dia, mas 24 horas", "2 meses, mas 8 semanas" Quanto mais específico você for, quanto mais você ativar o desejo do usuário, mais credível você será.

✔ Se é sobre Oferta, recue muito e seja específico mais uma vez. (Desconto de 20% até 6 de abril).

A descrição do link

Essa é a parte do anúncio em que o usuário é menos fixo. No entanto, também teremos que otimizá-lo, especialmente para pessoas realmente interessadas no produto. Estas são algumas das coisas que você pode fazer para aproveitar essa parte do anúncio:

Adicione mais informações sobre sua oferta

Realce a ideia principal

Conte mais alguns benefícios da sua oferta, menos benefícios

Reiterar a mensagem, mas não as palavras

Link e botão de call to action

Conforme a descrição do link, segundo estudos de neuromarketing, essa é a parte em que o usuário é menos fixo. É o que menos ativa a memória.

No entanto, embora o usuário conserte menos nele, devemos dedicar atenção, especialmente ao texto do botão. Finalmente, a decisão de compra afeta o cérebro límbico, a parte réptil, que responde aos instintos mais básicos das pessoas.

Isso significa que temos que cuidar muito desse botão. Um botão muito chamativo com a palavra "Comprar", poderia causar rejeição no usuário e não clicar no anúncio.

Não importa quão difíceis sejam os pontos anteriores (título, descrição, etc.), se o link não for bem projetado, poderemos perder nossa conversão, mesmo que já tenhamos capturado a atenção do usuário.

Tenha em mente as seguintes dicas:

Mostrar o página de destino. Crie um URL legal e amigável

Escolha o botão que combina sua oferta.

O texto deve estar alinhado com o objetivo do seu anúncio.

Em caso de dúvida, opte por "Mais informação". A menos que seja uma opção de compra direta, é claro. O botão "mais informação" recebe a maioria das visitas em comparação com outras possibilidades (inscreva-se, compre agora, etc)

copywriting para anúncios no facebook

Breve Guia para criar um anúncio no Facebook Ads

Ao criar anúncios nessa plataforma, siga as etapas abaixo:

Identifique seu cliente ideal Se você não sabe para quem está escrevendo, está perdido.

Identifique o desejo que você pode ter em relação à sua oferta. Vá para o cartão que você criou do seu cliente ideal.

Defina qual emoção você deseja ativar. O que queremos ganhar? Qual é o nosso objetivo? É uma campanha de branding? Dependendo do seu objetivo, você terá que mirar em uma ou outra emoção.

Seu anúncio deve ser compreensível, específico e concreto. Nunca envie uma mensagem abstrata, tem que ser muito direta.

Lida com uma ótima ideia. É inútil listar muitos benefícios, focar em uma única ideia e apostar nela. O ser humano tem atenção limitada.

Medida de teste Teste A / B Basse em dados reais

Outras recomendações e dicas

✔ Elimine objeções do seu usuário. Coloque-se no lugar deles e, para cada situação, analise as objeções que podem aparecer. Vá em frente e crie uma solução para cada um. (envio em 24h, retorno, etc)

✔ Repita a oferta de várias maneiras. Aproveite o texto descritivo, o link, o título … todas as partes do anúncio para transmitir a mesma ideia, mas usando abordagens diferentes.

✔ Use o teste social.

✔ Conte uma verdade incômoda sobre o seu setor. Exemplo: Eu vou te dizer o que os shoppings não querem que você saiba

✔ Use palavras mágicas Inclui verbos de ação, eles funcionam melhor. (digite, baixe, gratuitamente, você)

✔ Peça ao seu usuário dizer "sim". Se você perguntar algo ao qual o usuário tem que responder "sim", sua memória será ativada.

Se não houver emoção, não há conversão.

Você quer participar do PRO Marketing DAY?

logotipos de promarketingday finais-07Se você não pôde participar da reunião realizada em abril de 2018, tenha cuidado, pois voltamos com mais trabalhos, mais exercícios práticos em tempo real e mais estratégias de marketing online.

Vá para o PRO Marketing DAY

Patrocinadores do PRO Marketing Day:

Webempresa, uma hospedagem confiável e segura. Eles são especializados em WordPress, Joomla! e PrestaShop, tem medidas anti-hacking, backups a cada 4 horas e também com um serviço gratuito de otimização de imagem.

Mais artigos sobre o PRO Marketing DAY

  • As 11 dúvidas jurídicas mais importantes em marketing digital
  • Os 3 pilares mais importantes do Marketing Emocional para uma marca
  • 14 ações criativas e eficazes para otimizar as campanhas de publicidade on-line
  • 9 Tipos de Ataques de Reputação Online e Como se defender deles
  • Como criar testes A / B com o Google Optimize para melhorar a conversão

A entrada de redação para anúncios do Facebook: como escrever anúncios eficazes em 5 etapas aparece primeiro em.

Posts interessantes:

Trabalhar com Marketing na Fotografia

Trabalho à distância | Por Mundo virtual

Se juntar a Mim para um seminário GRATUITO em Cingapura

Links, Links, Links – Táticas comprovadas para construir links

 The Marketing Mix – É como um bolo e uma carteira de ações ao mesmo tempo

Fácil serialização de XML no c# – código-bude.net

A publicidade em outdoors faz sentido para os trabalhadores independentes? Vantagens, custos, fornecedores e dicas

Um guia para o curso BBA: disciplinas, plano de estudos, faculdades na Índia e muito mais

5 especialistas respondem a 8 perguntas que todo consultor de SEO precisa resolver


O posicionamento na Web é uma disciplina muito variável e o que funciona em algumas páginas não funciona em outras. Além disso, existem diferentes maneiras de trabalhar o SEO de uma web para alcançar o objetivo marcado. Neste post você encontrará ótimas questões resolvidas por experts @ s, que você como um consultor de SEO já levantou. Algumas de suas respostas coincidem com as suas?

Durante a segunda edição do PRO Marketing DAY, que aconteceu no dia 14 de abril, tivemos o prazer de contar com 5 grandes referências de SEO, como César Aparicio, Álvaro Sáez «Chuiso», Luis Villanueva, Giannella Ligato e MJ Cachón. de vista a diferentes questões sobre posicionamento.

As perguntas que foram colocadas nesta tabela de SEO foram propostas pelos alunos de Aula CM e pelos próprios oradores que queriam saber quais eram as opiniões do resto dos colegas sobre isso.

Em seguida, você tem o vídeo-resumo da tabela SEO e os pontos mais interessantes do trabalho:

Participantes no Conselho de SEO

César Aparicio

César Aparicio é consultor de SEO e especialista em Linkbuilding internacional. Grande apaixonado por gestão de negócios e fundador da agência de marketing digital Skull Previlegiado e do software de SEO Safecont.

MJ Cachón

MJ Cachón é consultor de SEO White Hat com mais de 8 anos de experiência em marketing e posicionamento online. Ele também se dedica ao treinamento dando aulas em escolas de marketing de renome.

Álvaro Sáez «Chuiso»

Álvaro Sáez, «Chuiso«, é uma das maiores referências em termos de Black Hat SEO e monetização de projetos online. Possui sua própria plataforma de aprendizado on-line sobre SEO e monetização, conhecida como TeamPlatino.

Giannella Ligato

Giannella Ligato é consultora sênior de programação e SEO desde 1999. Atualmente, ela dirige a loja on-line Perfumerías Primor e é responsável pela estratégia de SEO em todas as páginas do Grupo DimeHoteles.

luis villanueva Luis Villanueva

Luis Villanueva é consultor de SEO, especialista em White Hat e Marketing Online desde 2010. Sócio e Diretor de SEO no Webpositer Lab Group.

Tabela SEO: pergunta a questão

Blog do conteúdo do plano de ideiasTécnicas de SEO para comércio eletrônico que evitam o conteúdo duplicado em produtos semelhantes

Giannella Ligato:

Para ela, primeiro é necessário fazer uma pergunta, até que ponto os produtos são semelhantes? Se você tem produtos semelhantes, onde apenas um atributo é alterado, é melhor faça um único cartão de produto, para que o usuário possa escolher o atributo mais adequado às suas necessidades nessa guia.

Isso pode ser complicado tecnicamente quando os produtos têm vários atributos diferentes, mas no nível SEO é o melhor.

EXEMPLO

No site da Primor existe um produto chamado «Lumineuse Cream with Dry Skin Color». Este creme está disponível em três tons de pele diferentes. mesmo separador eles encontram o mesmo produto com atributos diferentes (o tom da cor).

Desta forma, você trabalha 3 produtos muito semelhantes em uma única aba e o usuário pode escolher o que melhor atende às suas necessidades com um clique.

Existe alguma lógica para fazer Interlinking destinada a melhorar um URL específico?

Luis Villanueva:

Para Luis, é necessário procurar relacionamento semântico dentro de todo esse agrupamento de URLs (cluster), encontre o lugar onde faz mais sentido colocar o link e colocá-lo lá para dar mais força ao URL que queremos melhorar.

O que é realmente interessante, de acordo com Luis, é olhe os dados (Analytics) para comparar o desempenho dessa URL com relação ao restante, encontrar seu desvio e tomar decisões. Colocar links para colocar, mesmo que façam sentido, muitas vezes não dá resultados.

Muitas vezes fazemos otimizações que são inúteis

Depois de vincular o URL, verifique os resultados para ver como a alteração afeta.

É aconselhável fazer o upload dos 15.000 produtos de um Dropshipping para o Sitemap?

MJ Cachón:

Para ela, primeiro você precisa se perguntar se quer posicionar os produtos ou não. Caso eles queiram se posicionar, eles devem ser incluídos no Sitemap, mas se você não quiser que eles se posicionem, não é necessário incluí-los.

Cada Sitemap pode conter até 50.000 elementos

Chuiso:

Para ele, o verdadeiro problema que tem um Dropshipping é que o provedor oferece as mesmas descrições de cada produto para os vendedores, então esses textos estão em mais sites e é considerado conteúdo duplicado.

Manualmente é muito complicado criar conteúdo original para cada um desses produtos e ele escolheria usar as estratégias da Black Hat SEO para resolver a situação.

Para finalizar, coloca para o resto dos SEOs que participam do debate que o que eles fariam.

Luis Villanueva:

Para Luis você tem que aplicar lógica e senso comum e definir o grau de "imundície" que você quer fazer no site.

Introduzir conteúdo duplicado no seu site que "a priori" pode penalizá-lo, mas no final não terá efeitos negativos, já que outras páginas têm o mesmo conteúdo.

EXEMPLO

Os portais verticais de anúncios, a grande maioria tem exatamente o mesmo conteúdo que o restante, já que os usuários fazem o upload do anúncio para todos os interessados.

O Google não penaliza esses conteúdos, mas essas páginas também não são afetadas positivamente pelo conteúdo que duplicaram, ou seja, no nível de SEO não contribui com nada.

Uma vez que isso foi levado em conta, Luis apostaria para procurar por aqueles produtos que pode ser mais benéfico e eu iria trabalhá-los manualmente com conteúdo exclusivo e colocá-los na primeira página de cada categorização.

Giannella Ligato:

Giannella está de acordo com a abordagem que Luis Villanueva deu: apostar naqueles produtos mais lucrativos.

Em condições de igualdade entre produtos com o mesmo conteúdo, aquele com a página mais forte estará melhor posicionado

Também acrescenta a importância de trabalhe as categorias como um elemento de diferenciação e como uma possibilidade para que o peso total do posicionamento não caia no perfil do produto.

César Aparicio:

César aposta para usar padrões e AI gerar novo conteúdo nas folhas de produto, através de Inteligência Artificial e Aprendizado de Máquina.

Além disso, César aproveita a oportunidade para fazer uma pergunta: se você tem um Dropshipping com 15.000 produtos, mas pode ter uma arquitetura interna ruim, não seria melhor criar diferentes sites menores para melhorar a arquitetura?

Para MJ Cachón se os produtos que compõem o dropshipping têm entidades suficientes para separar em diferentes sites, sejam mais específicos e gerem uma arquitetura melhor, pode ser uma ótima solução.

No entanto, MJ também aponta que para clientes sem dropshipping isso pode ser percebido como um perda de autoridade.

Análise do plano de conteúdoComo reposicionar uma postagem que perdeu posições?

César Aparicio:

Se você desceu pode ser devido a dois motivos:

  1. Culpa própria
  2. Melhoria da competição

A primeira coisa que você deve fazer é veja se você tem problemas em seu site teia Se você só tem problemas com um único URL, a coisa mais normal é que você não tem problemas.

Nesse caso, é possível que as páginas da competição tenham maior autoridade do que você. Além disso, o post que tem algum tempo, o Google está se revoltando e diminuindo posições é por isso que é importante fazer atualizações com conteúdo fresco (novo) e ligando isso em novos lugares.

Luis Villanueva:

Para Luis, e de acordo com sua experiência, esses tipos de URLs perdem posições porque acabam alcançando níveis de profundidade na web mais baixo, cada vez que eles atualizam menos e acabam tendo menos relevância.

Para evitar esse tipo de situação, é necessário gerar um melhor estrutura da web, novos links e melhorar o link interno apontando para esta página.

MJ Cachón:

MJ tem observado que as páginas de resultados têm cada vez mais Elementos adicionados pelo Google como: rich snippets, snippets em destaque, mapas, pesquisa universal … etc. Isso pode atrair muitos cliques e, mesmo que você tenha uma posição semelhante, você perde a CTR e, consequentemente, acha que perdeu o posicionamento.

Qual é a parte mais difícil de um projeto de SEO hoje?

Giannella Ligato:

Para Giannella, a coisa mais difícil em projetos de SEO é eliminar tendência ao imediatismo o que os clientes têm Faça um cliente ver que o SEO não é alcançado de um momento para outro, mas requer um processo e uma maturação que outras ferramentas de marketing online não têm.

Luis Villanueva:

Para Luis Villanueva, a coisa mais difícil de gerenciar é a Linkbuilding, já que é algo alienígena e que não pode ser controlado. Às vezes, uma estratégia pode funcionar em um setor, mas em outros não. O resto você pode medir, corrigir e aprender.

Chuiso:

Para Chuiso, depende do tipo de projeto que você quer fazer:

Se falamos sobre pequenos projetos como criar um site e rentabilizá-lo com o Adsense, como é difícil encontre o nicho que não é muito explorado e vale a pena trabalhar.

Se falamos sobre grandes projetos, o mais difícil para ele é saber organizar arquitetura web e executar a vinculação interna. Às vezes, uma arquitetura ideal para os usuários pode não ser boa para o Google.

No momento, nós, os SEOs, temos que otimizar para que os mecanismos de busca tentem gostar dos usuários o máximo possível.

César Aparicio:

César também vê duas diferenças:

Se é um site recém-criado, a dificuldade para César está em encontre o site dessa teia.

Se o site já tiver algum tempo criado, a dificuldade é mostrar que o recursos você tem que focar naqueles URLs mais lucrativos e no médio-longo prazo redirecionar esforços para os URLs que são mais difíceis de posicionar.

Atualmente, há muito desperdício de recursos e dinheiro em coisas que não são eficientes

MJ Cachón:

Para MJ, a dificuldade está em dois pontos:

SEO não está escrevendo quatro parágrafos e repetindo uma palavra-chave, existem muitos elementos que pode ser controlado, como indexação, rastreamento, arquitetura web, desempenho … etc. Para MJ, o primeiro problema é fazer com que o cliente entenda a importância de ter todos esses elementos bem e como integrá-los na web.

Por outro lado, também se refere a todos aqueles elementos que não podem ser controlados, como dificuldade em entender o Google e suas mudanças nas SERPs e no algoritmo ou nas ações realizadas pela competição.

Perfis de Fusão FacebookOnde está a linha que diferencia o Black Hat do White Hat?

Luis Villanueva:

Para Luis para dar uma resposta é um pouco complicado, pois o que para uma pessoa é Balck Hat, para outro não pode ser.

O Black Hat pode ser muitas coisas, mas se entendermos o Black Hat pela automação, Luis acha que nem toda automação deve ser considerada assim, já que pode servir para economizar recursos e ser mais eficaz ao trabalhar e ajudar o usuário.

Giannella Ligato:

Para Giannella depende da situação e do setor.

Em mercados altamente competitivos, como apostas ou empresas de hospedagem em que a concorrência realiza ações da Black Hat, você não tem escolha a não ser usá-la também.

Chuiso:

Para Chuiso, não há limite para diferenciar Black Hat e White Hat.

Tudo depende mercado e falhas do Google. Além disso, ele acredita que a principal diferença é que os trabalhadores da Black Hat buscam o limite das melhores práticas, enquanto aqueles que trabalham na White Hat, trabalhando principalmente para os clientes, não podem correr tanto risco.

MJ Cachón:

Para MJ, a linha é marcada por Diretrizes do Google, embora tudo dependa do setor em que você se encontra. O que acontece é que trabalhar com clientes é difícil assumir certos riscos.


Onde está a linha que diferencia #BlackHatSEO de #WhiteHatSEO? Debate SEO no @promarketingday
Clique para Tweet


Alguma nova técnica de Linkbuilding?

César Aparicio:

Para César quanto mais dinheiro você tem mais links você terá Isso porque é cada vez mais difícil conseguir links e o motivo é simples "SEO cada vez mais somos mais ratos".

Colocar links para outros sites da sua página não vai criar danos

Em outros países, como a Alemanha ou a França, é ainda mais difícil conseguir links. Por outro lado, nos EUA é mais fácil obtê-los.

Finalmente, aposte dois métodos para obter links: pagar ou «comer ouvido».

Definir os objetivos do plano de conteúdo Sem links de entrada e arquitetura da web, quais fatores de SEO são mais importantes?

MJ Cachón:

Para MJ, se os links e a arquitetura de entrada não forem levados em conta, a força recai sobre o conteúdo e links internos. Você também tem que levar em conta o velocidade da página web e a adaptação móvel.

Giannella Ligato:

Giannella acredita que o Conteúdo e velocidade de carregamento Eles estão se tornando mais importantes, então pense que apostar em ambos é sempre uma boa prática para o Google e os usuários.

Sempre que invisto em performance e conteúdo, estou investindo bem

Luis Villanueva:

Luis, por outro lado, apostaria analisar os dados para ver qual é a melhor opção para atingir o máximo desempenho a curto prazo.

Graças aos dados, você pode ver variações e ver por que determinadas ações funcionam em determinadas áreas da Web e não em outras. Portanto, Luis conclui dizendo que você pode executar ações totalmente diferentes mesmo se você estiver no mesmo cluster da sua web.

Você quer participar do PRO Marketing DAY?

logotipos de promarketingday finais-07Se você não pôde participar da reunião realizada em abril de 2018, tenha cuidado, pois voltamos com mais trabalhos, mais exercícios práticos em tempo real e mais estratégias de marketing online.

Vá para o PRO Marketing DAY

Patrocinadores do PRO Marketing Day:

Webempresa, uma hospedagem confiável e segura. Eles são especializados em WordPress, Joomla! e PrestaShop, tem medidas anti-hacking, backups a cada 4 horas e também com um serviço gratuito de otimização de imagem.

Mais artigos sobre o PRO Marketing DAY

  • 9 Tipos de Ataques de Reputação Online e Como se defender deles
  • Os 3 pilares mais importantes do Marketing Emocional para uma marca
  • 14 ações criativas e eficazes para otimizar as campanhas de publicidade on-line
  • Como inovar em Marketing de Conteúdo, com Lucas García
  • Como criar testes A / B com o Google Optimize para melhorar a conversão

A entrada 5 especialistas responder 8 perguntas que cada consultor de SEO precisa resolver aparece em primeiro lugar.

Publicações imperdíveis:

Vender e comercializar na net: não está sem, mas vai com estilo

Idéias de negócios na internet: desenvolvendo as melhores para ganhar dinheiro

Capítulo 1 (Como Eu Encontrei O Marketing De Afiliados)

Como Planejar uma Festa

 Como fazer o marketing de afiliados: um guia para iniciantes

BYOD, MDM, OTA – o que isso quer dizer?

Site de nicho com produtos de alto preço – receitas, experiências e dicas

LIC AAO – Perspectivas Futuras e Crescimento de Carreira – Syllabus, Salário, Exame

Ter estas 22 Atitudes e Habilidades Profissionais garante que você tenha um emprego em 2019


Em um mercado de trabalho tão competitivo quanto o atual, é importante saber diferenciar. Precisamente por este motivo, nos processos de seleção cada vez que um outro tipo de habilidades pessoais que garantem a adaptação de um perfil ao local de trabalho é mais valorizado. Mas De que características nós falamos? Quais são as atitudes e habilidades que as empresas mais valorizam?

Neste post vamos ver a diferença entre atitudes e habilidades profissionais, além de rever as mais valorizadas pelas empresas no ano de 2019.

Diferença entre habilidades duras e moles

Antes de entrar em um comentário detalhado sobre as atitudes e habilidades profissionais mais demandadas, devemos fazer uma primeira distinção. Qual é a diferença entre habilidades hard core e soft core?

Podemos resumir da seguinte maneira:

  • Habilidades duras
  • Habilidades macias
São aqueles relacionados a requisitos técnicos que uma pessoa deve ter acesso a um trabalho.

Gerenciamento de idiomas, conhecimentos de informática etc. seria incluído neste grupo.

Por outro lado, soft skills referem-se às características que uma pessoa tem intrinsecamente, podendo ser modificado.

Neste caso, podemos citar aptidões como a empatia, a capacidade de ouvir, etc.

Em resumo, as habilidades do núcleo duro referem-se ao conhecimento da pessoa, enquanto as núcleo macio eles se referem à sua aptidões ou atitudes em uma situação

Se colocarmos como exemplo o perfil de trabalho de um Community Manager, poderíamos dizer que as habilidades são conhecimento sobre Redes Sociais, ferramentas de monitoramento, etc. enquanto soft skills teriam a ver com aspectos como criatividade ou a capacidade de empatia com os usuários, por exemplo.

Imagens e StorytellingO que é uma atitude ou atitude profissional?

Quando falamos de aptidões no local de trabalho, queremos dizer certas características que as pessoas têm intrinsecamente. Que pode ser melhorado com trabalho e perseverança.


Se soubermos as habilidades em que somos bons, podemos treiná-los e fortalecê-los
Clique para Tweet


Além de entender o que eles são, é importante sabermos o que os habilidades e atitudes mais procuradas no mercado de trabalho com base no nosso perfil profissional.

Conhecer o perfil de um trabalhador ideal para um determinado trabalho, nos permitirá verificar se atendemos aos requisitos para ele. Ou se devemos nos concentrar em melhorar algumas das nossas qualidades.

posicionamento seoComo as habilidades e atitudes profissionais são diferentes?

Outra questão que surge quando se alude a esses dois conceitos é a diferença entre atitudes e habilidades profissionais.

Embora a terminologia seja bastante semelhante, é importante entender as nuances que existem entre elas:

Habilidades Profissionais

Eles sugerem o que podemos fazer relativamente inato. Esse tipo de características, portanto, nos predispõe a realizar algumas tarefas de maneira mais eficaz e implica também que nos adaptaremos melhor a algumas vagas profissionais do que a outras.

Atitudes Profissionais

Eles estão ligados a como enfrentamos as várias situações que pode ocorrer em um trabalho. Esse tipo de característica é cada vez mais valorizado pelas empresas quando se considera a contratação de uma pessoa.

EXEMPLO

O extroversão é um traço que está ligado à personalidade e pode nos fazer adaptar melhor a certos trabalhos, como os comerciais. Neste caso, estaríamos falando, portanto, sobre um aptidão profissional

Por outro lado, o fato de que enfrentar um problema de forma eficaz Depende de como nos reagimos a essa situação. E, portanto, será relacionado ao nosso atitude profissional

Importância das habilidades no processo de seleção

As habilidades são, portanto, características inatas que definem como uma pessoa é. Mas Por que eles são tão relevantes em um processo de seleção? Quais informações eles trazem para o entrevistador?

Habilidades profissionais podem ser decisivas na escolha de um candidato para um trabalho

Quando realizamos um processo de seleção, avaliamos as aplicações levando em consideração as perfil necessário para o trabalho. Mas, se encontrarmos vários candidatos que atendam aos requisitos básicos, teremos que levar em conta outros aspectos que nos ajudem a tomar a decisão de contratar.

EXEMPLO

Continuando com nosso perfil de Community Manager, se tivermos duas pessoas que atendam a todos os requisitos de treinamento, teremos que avaliar outras habilidades que nos interessa pela posição.

Habilidades como criatividade, extroversão ou capacidade de resolver problemas são relevantes para desenvolver corretamente as funções dessa posição. Precisamente por esta razão, o candidato que obtiver o maior número dessas habilidades será aquele que mais propensos a se adaptar bem ao emprego.

O perfil do trabalho

Como vimos acima, todos os critérios de seleção para uma posição são geralmente definidos no perfil de trabalho.

A informação incluída é:

  • Treinamento: Na maioria dos trabalhos, os requisitos de treinamento necessários são estabelecidos para executar o trabalho corretamente.
  • Experiência anterior: Como no treinamento, geralmente é necessário que o candidato tenha experiência de trabalho no setor, tendo ocupado uma posição com características semelhantes.
  • Atitudes e aptidões profissionais: Além de levar em conta os principais requisitos relacionados a treinamento e experiência, também é importante estabelecer uma série de características desejáveis ​​para se adequar ao local de trabalho.

Neste exemplo, você pode ver melhor como seria a definição correta de um perfil de trabalho:

Perfil de trabalho: Gerente de comunidade

Descrição do trabalho:

  • Desenvolvimento e gestão de ações em diferentes Redes Sociais.
  • Acompanhamento dos perfis sociais da marca. Gestão de possíveis crises.
  • Criação de um plano de melhoria para crescimento em diferentes Redes Sociais.
  • Desempenho de relatórios mensais de desempenho.

Treinamento:

  • Licenciatura em Jornalismo, Marketing ou similar.
  • Valioso: treinamento específico como Gerente de Comunidade ou Mestrado em Marketing Digital.

Experiência anterior:

  • Experiência prévia demonstrável necessária no desenvolvimento de trabalhos similares em outra empresa por pelo menos 1 ano.

Atitudes e aptidões profissionais:

  • Perfil dinâmico, criativo e extrovertido. Com capacidade de trabalhar em equipe e boa capacidade de comunicação.
  • Deve ser flexível e ter a capacidade de resolver problemas de forma eficaz.

ofertas de páginas de empregoComo as habilidades são avaliadas em uma entrevista de emprego?

As aptidões e atitudes são, portanto, algo relevante ao escolher um candidato. Mas Como você pode fazer uma avaliação deles?


Testes psicométricos nos ajudam a avaliar objetivamente as aptidões de uma pessoa
Clique para Tweet


Abaixo você pode aprender algumas das técnicas utilizadas pelos recrutadores:

  • Entrevista individual: É um dos momentos ideais para investigar as capacidades que um candidato tem. Para isso, podemos usar perguntas que nos ajudam a discernir se a pessoa à nossa frente tem as habilidades necessárias para a posição.
  • Dinâmica de grupo: Outra alternativa é realizar uma entrevista em grupo na qual possamos observar o comportamento do candidato em um grupo. Desta forma, podemos observar como ele se comporta em certas tarefas que exigem o trabalho em equipe ou comunicar de forma eficaz.
  • Testes escritos: Existem diferentes testes psicométricos que nos ajudam a medir características individuais nos perfis. Desta forma, garantimos ter um critério mais objetivo ao selecionar perfis.

Dicas para enfrentar uma entrevista de emprego

No entanto, ter o perfil solicitado para uma posição não significa que vamos obter o mesmo. Temos que passar o filtro da entrevista de emprego, o que não é fácil.

Abaixo damos-lhe uma série de dicas para fazer bem uma entrevista de emprego:

  • Responda sinceramente. Os entrevistadores sabem muito bem quando um candidato está mentindo. É melhor ser honesto do que dar a imagem de ser uma pessoa em quem você não pode confiar.
  • Confie em suas habilidades e no seu valor para a posição. Se você não tem uma aptidão dos réus não se preocupe, talvez você irá competir com o outro.
  • Aprenda a exaltem suas virtudes e para disfarçar suas deficiências. Às vezes um candidato tem uma característica que o faz brilhar e que, embora inicialmente não fosse valorizado pelo trabalho, pode supor a contratação do mesmo.
Você deve evitar cometer certos erros na entrevista de emprego, como atrasar-se ou não demonstrar interesse pela posição. Essas ações podem fazer com que o entrevistador o dispense automaticamente.

Melhor Hospedagem na WebAtitudes e habilidades profissionais mais exigidas em 2019

Uma vez que vimos a importância dessas habilidades para adaptação a um trabalho, é hora de saber o que atitudes e habilidades profissionais mais procuradas em 2019.

Existem certas aptidões e atitudes que afetam positivamente o desenvolvimento de qualquer trabalho.

Entre eles, encontramos alguns cuja importância é indiscutível para qualquer trabalho. Enquanto outros estão mais relacionados à execução de funções específicas.

Habilidades Profissionais

1. Criatividade

Um perfil criativo pode fornecer à empresa novas soluções que, inicialmente, podem não ter ocorrido para o restante da equipe. Eles são geralmente pessoas que estão procurando inovação continuamente e, portanto, sua capacidade de contribuir com ideias originais costuma ser alta.

No campo do marketing, esse tipo de habilidade é essencial. Geralmente precisamos gerar novos recursos e formatos para lutar contra nossos concorrentes, um perfil desse tipo pode ser um grande trunfo para a empresa.

2. Persuasão

O capacidade de convencer outras pessoas usar a persuasão é algo altamente valorizado, especialmente em perfis cujas funções estão relacionadas aquisição de clientes.

Se tivermos essa capacidade, poderemos apresentar nossos argumentos de maneira clara e decisiva, sem precisar impor nossas ideias.

As técnicas de persuasão são muito úteis no campo digital. Poder ajudar, por exemplo, a obter mais conversões em nosso site, redes sociais etc.

3. Flexibilidade

A flexibilidade é uma característica que devemos levar em conta ao adicionar um perfil ao modelo. Principalmente porque nos garantirá que essa pessoa é capaz de se adaptar a diferentes situações que podem surgir durante toda a sua experiência de trabalho.


Uma pessoa flexível saberá como se adaptar às diferentes situações que possam surgir em seu local de trabalho
Clique para Tweet


O fato de se adaptar melhor a mudanças implica, além disso, que este tipo de perfis não experimentam altos níveis de ansiedade antes das variações que podem surgir em seu trabalho.

4. Iniciativa

Outra das habilidades profissionais mais valorizadas, e difícil de encontrar, é a iniciativa. Ou seja, a capacidade de propor novas ideias, alternativas, etc.

Normalmente perfis de trabalho tendem a ter uma posição mais reativa, limitados a executar o trabalho para o qual foram contratados sem contribuir com nada adicional.

No campo de marketing digital perfis com iniciativa podem tomar as rédeas de uma situação complicada, levantar novas ideias, procurar ativamente clientes, etc.

5. Resiliência

A resiliência é uma habilidade pouco conhecida, mas necessária em qualquer trabalho. Seria definido como a capacidade de aceitar situações adversas objetivamente, daqui para frente, apesar das dificuldades.

Resiliência é a capacidade de uma pessoa se recuperar da adversidade.

Esta aptidão está intimamente ligada à maneira como temos de interpretar os problemas. Se nos culparmos por qualquer erro que ocorra, será mais difícil encontrar uma alternativa que nos permita resolver a situação.

6. Liderança

A liderança será importante dentro de um trabalho, desde que a posição exija um perfil de emprego desse tipo. Embora seja verdade que é uma das características que tornou-se mais relevante nos últimos tempos.

Liderança implica orientar nossos funcionários fazendo parte do procedimento e da solução. Longe estavam os chefes que não se envolviam nos assuntos da empresa ou de seus empregados.

Nas posições onde existem equipes de trabalho É interessante ter perfis capazes de liderá-los, contribuindo com ideias e se envolvendo no processo.

7. Empatia

Ser capaz de se colocar na posição de outras pessoas é essencial na maioria dos trabalhos e, além disso, pode nos salvar vários problemas.


A empatia pode nos ajudar a entender as decisões que uma outra pessoa toma
Clique para Tweet


O fato de poder adaptar-se a diferentes pontos de vista, pode nos ajudar a entender as decisões que algumas pessoas tomam em determinados momentos. Avaliando-os da maneira mais objetiva possível.

8. Segurança

Duvidar diante de certas situações não precisa ser um erro, embora, quando estamos falando sobre nosso trabalho ou apresentando nosso conteúdo, isso possa ser um problema.

Se não demonstramos seguro quando falamos sobre nosso produto, podemos perder um cliente.

Uma pessoa segura se encontra com Menos problemas ao apresentar seus argumentos e, além disso, é menos estressante fazê-lo.

9. Honestidade

Devemos ser honestos com as informações que transmitimos e fazemos com que ela atinja tanto a empresa quanto nossos colegas.

Embora em alguns casos a sinceridade possa prejudicar, muitas vezes é melhor um jarro de água fria que nos permite repensar a estratégia que estamos realizando, em vez de cometer um erro irreparável.

10. Disciplina

Podemos encontrar um funcionário que tenha muito boas habilidades profissionais, mas que seja excessivamente desorganizado, por isso é provável que tenhamos dificuldades quando se encaixa em uma equipe.

No entanto, se encontrarmos uma pessoa que tenha uma certa disciplina, será mais fácil adaptar-se ao ambiente de trabalho e executar suas funções corretamente.

Existem muitos trabalhos que exigem uma dose extra de disciplina. Por exemplo, quando realizamos o posicionamento de uma página web, devemos ser constantes e rigorosos, pois os resultados do nosso trabalho serão vistos a médio-longo prazo.

11. Inteligência Emocional

As habilidades profissionais ligadas às relações interpessoais têm grande relevância, e isso é o mesmo com a inteligência emocional. Esse recurso é muito ligado à empatia e, normalmente, os perfis que possuem um deles possuem ambos.


A inteligência emocional nos permite nos colocar no lugar do cliente para entender melhor suas necessidades
Clique para Tweet


O fato de ter uma boa inteligência emocional nos permite entender o que outras pessoas estão sentindo e, em alguns casos, pode até nos levar a evitar conflitos.

Atitudes Profissionais

12. Colaboração ou capacidade de trabalhar em equipe

É sabido que o trabalho em equipe é uma das qualidades mais exigidas pelas empresas.

Para entender sua importância, devemos levar em conta vários aspectos:

  • O relacionamentos dentro da equipe será mais cordial se todos têm a capacidade de trabalhar juntos, ouvindo o ponto de vista do colega.
  • As decisões são enriquecidas quando temos diferentes pontos de vista. Tenha em mente que, muitas vezes, o fato de ter opiniões diversas pode ajudar a surgir idéias que de outra forma não teriam aparecido.

13. Adaptabilidade

A capacidade de adaptação é outra das atitudes profissionais essenciais ao contratar uma pessoa. Tem a ver com o fato ser um pouco «camaleões» e saber fazer simbiose com o ambiente que nos rodeia, seja qual for o mesmo.

Os perfis mais rígidos geralmente apresentam muitos problemas quando confrontados com diferentes circunstâncias. Assumindo, além disso, uma situação bastante desconfortável para o próprio trabalhador.

O Flexibilidade e adaptabilidade são características semelhantes. Embora seja verdade que o primeiro se refere a nossas tendências inatas, enquanto o segundo está relacionado a como nos comportamos nas diferentes situações de mudança que surgem ao nosso redor.

14. Gerenciamento de tempo

Intimamente relacionado ao aspecto anterior, está o fato de aprender a administrar o tempo que investimos na realização de uma tarefa. Atingir a otimização do desenvolvimento de nossas funções reduz o nível de estresse e, ao mesmo tempo, aumenta nossa produtividade

Existem várias técnicas que podem nos ajudar a melhorar nosso gerenciamento de tempo, tornando-as mais produtivas.

Precisamente por este motivo, é uma atitude muito interessante e pode ser treinada com o tempo e as técnicas apropriadas.

15. Versatilidade

Os profissionais que demonstram versatilidade tornam-se um dos perfis indispensáveis ​​para a empresa. Poder adaptar-se a diferentes tarefas Pode ser muito útil no caso de, num dado momento, precisarmos que essa pessoa colabore em outros trabalhos.

Não obstante, Não devemos confundir versatilidade com um excesso de tarefas. Se nos concentrarmos em muitas coisas, corremos o risco de não acertar nenhuma delas.

Se em nossa empresa temos um perfil polivalente, teremos mais possibilidades de poder fornecer certas funções desempenhadas por nossos colegas caso seja necessário.

16. Proatividade

Atualmente, todas as empresas buscam perfis de pessoas pró-ativas e dispostas a oferecer soluções. Essa atitude profissional implica não ficar parado em uma situação, estar em busca contínua de alternativas de melhoria.


A proatividade implica em ter um comportamento antecipado e orientado para mudanças
Clique para Tweet


No entanto, a proatividade é uma das qualidades mais complicadas a serem avaliadas pelos técnicos de seleção.

17. capacidade de resolução de problemas

A possibilidade de resolver problemas de forma rápida e eficaz É também uma característica altamente valorizada pelos recrutadores. Devemos aprender a distinguir essa característica da proatividade, na medida em que a segunda não se refere apenas a situações problemáticas, mas a uma atitude colaborativa em termos gerais.

Perfis com essa atitude são mais autônomos e trabalham sem ter muita supervisão.

18. Capacidade analítica

Tão importante quanto conhecer as emoções das pessoas com as quais nos relacionamos, é a capacidade de controlá-las. Olhando para o futuro de uma forma mais analítica.

Muitas vezes, o fato de nos deixarmos levar pelos nossos sentimentos gera mal-entendidos, por isso é importante que tenhamos a capacidade de analisar a partir de um ponto de vista objetivo. Essa característica está intimamente relacionada à resiliência, que já vimos anteriormente.

Dentro da equipe de trabalho é interessante ter um perfil analítico, capaz de interpretar a informação com base nos fatos. Sem ser levado por preconceitos emocionais.

19. Lealdade

A lealdade a uma empresa é importante. Não é em vão, vai ser o lugar onde desenvolvemos nossa carreira profissional. Não devemos confundir lealdade com o fato de apoiar a empresa de maneira indiscutível, mesmo que ela tome decisões erradas.

Nós devemos aprender a manter um equilíbrio em que é claro que estamos apoiando-os, mas sendo honestos. Ou seja, se em qualquer caso há uma situação com a qual não concordamos, devemos comentar sobre isso Sinceridade e respeito.

20. Perseverança

A capacidade de continue focado em nossos objetivos, independentemente de os resultados que obtivemos anteriormente não serem positivos, também é uma atitude profissional altamente valorizada.


Persistir em nossos objetivos é essencial para chegar onde queremos chegar
Clique para Tweet


Devemos ter em mente que as coisas nem sempre vão como queremos, mas temos que insistir até estarmos mais perto de nossos objetivos.

21. Controle de estresse

O estresse é um dos problemas que mais nos afeta em nosso ambiente de trabalho. Precisamente por isso, devemos aprender a paliar isso no nosso dia a dia, estabelecer estratégias para controlá-lo.

Algumas pessoas têm mais capacidade para gerenciar esse tipo de situação de forma eficaz. Isto implica alguns níveis mais baixos de estresse e uma maior capacidade de lidar com situações que, a priori, poderiam ser complicadas para outros tipos de perfis.

Os perfis que controlam bem as situações de estresse são altamente valorizada nos trabalhos que exigem resultados de curto prazo. Principalmente porque os níveis de estresse que são tratados são maiores do que em outros tipos de trabalho.

22. Capacidade de comunicação

A última aptidão que vamos ver tem a ver com a capacidade de nos comunicar com outras pessoas. Quer dizer, saber expressar o que precisamos de forma eficaz e clara.

Uma boa comunicação incentiva os colegas a se entenderem melhor, além de evitar mal-entendidos que podem levar a possíveis conflitos dentro da equipe.

Se você estiver em busca de emprego ativo, você pode estar interessado nos seguintes artigos:

  • Guia do LinkedIn para ter sucesso com seu perfil profissional em 2019
  • Como fazer e escrever O Melhor Curriculum Vitae: 20 dicas
  • Os 30 melhores exemplos e modelos de currículos originais e criativos

formas de publicidadeExtra: Habilidades do núcleo duro mais procuradas em 2019

Como já comentamos anteriormente, as habilidades difíceis também são avaliadas ao entrevistar um candidato. Estar relacionado com o conhecimento que ele deve ter para o desempenho de sua posição.

A seguir, apresentamos uma lista das principais habilidades exigidas para o ano de 2019. Isso significa que os perfis profissionais que possuem esse conhecimento serão os mais procurados pelas empresas ao longo do ano.

Habilidades do núcleo duro mais procuradas em 2019

  • Computação em nuvem
  • Inteligência artificial
  • Raciocínio analítico
  • Gestão de pessoas
  • Design UX
  • Desenvolvimento de aplicativos móveis
  • Produção de vídeo
  • Liderança em vendas
  • Tradução
  • Produção de áudio

Escrita Criativa Contar HistóriasConclusão:

Habilidades profissionais são uma obrigação, e é importante avaliá-los corretamente para encontrar um candidato que se adapte bem ao trabalho.

Embora geralmente estejam vinculados a perfis de trabalho específicos, existem algumas aptidões e atitudes que são genéricas. E, portanto, benéfico para qualquer trabalho.

Sim temos provas e trabalhamos nossas capacidades vamos melhorar nosso perfil profissional.

A entrada Ter estas 22 Atitudes e Habilidades Profissionais garante que você tenha um trabalho em 2019 aparece pela primeira vez em.

Blogs Relacionados:

Vender e comercializar na net: não está sem, mas vai com estilo

Como Steve Jobs teve sucesso falhando primeiro

Desafio De 30 Dias: O Controle De Seus Gastos

Como escrever um e-mail de desculpas após um desastre de newsletter

 Business To Business Marketing: uma introdução

Importar contatos do Facebook no Google +

Como criar um calendário editorial para evitar o medo da página em branco e alinhar o seu blog com o seu negócio

Qual a Fórmula de Negócio Online

Plataformas para comprar domínios baratos online

Plataformas para comprar domínios baratos online


Realizar um projeto on-line não é necessariamente tão caro quanto comumente imaginado. Muitos profissionais e empresas não terminam de fazer sua presença na Internet medo de não encontrar onde comprar domínios baratos para o seu projeto ou não ser capaz de cobrir as despesas para hospedar seu projeto na Internet.

O que é um domínio e por que devo comprar um?

Se você quiser começar seu negócio na internet, você deve começar por adquirir um domínio, ou seja, o nome exclusivo com o qual você deseja que seu site, blog ou loja on-line sejam pesquisados ​​por seus clientes em potencial. É importante que este domínio seja bem pensado e selecionado, pois é uma parte importante do sucesso que você terá para competir na Internet.

É por isso que, se por exemplo quiser vender a sua própria marca de calçado Nativa, deve registar o domínio da sua marca zapatosnativa.com ou nativashoes.com, etc. Existem também domínios .net, .org, .store, .online, etc. Além disso, existem domínios geográficos de primeiro nível, que são úteis para indicar o país onde seu domínio está registrado. Voltando ao exemplo da sua loja de sapatos, se você quisesse vender para o mercado argentino, você poderia comprar então zapatosnativa.com.ar 🙂

Onde comprar um domínio barato?

Existem muitas opções que facilitam a compra de domínios na Internet, não apenas do ponto de vista econômico, mas também dos aspectos técnicos e mercadológicos, em busca de posicionamento de marca e produto. Essas plataformas oferecem ferramentas extras que podem ser úteis para o seu projeto on-line para obter sucesso rapidamente.

Eu apresento estas excelentes plataformas para compre domínios baratos na Internet, aproveitando uma série de benefícios que cada um te dá:

1. GoDaddy

Este serviço oferece um amplo pacote que inclui não apenas compra do domínio do seu site, senão também serviços de web design, hospedagem e servidores, gerenciamento contábiletc. Você também terá a oportunidade de criar seu site sem ter experiência, já que os procedimentos para isso são muito simples.

Um serviço muito atractivo oferecido por esta empresa é a criação de um email interno, cujo endereço é baseado no seu nome, ou seja, terminará com: @ nombredetuempresa.com.

Link: GoDaddy

2. Nome

nome-compa-domínios

O nome aponta para o gerenciamento de domínios, adicionando a possibilidade de transferir os domínios que não são usados ​​por seus proprietários originais. Também oferece planos de posicionamento na webatravés do seu pacote Professor de SEO, um dos mais solicitados pelos clientes.

Os preços são acessíveis e variam de 3 a 12 dólares, dependendo do plano escolhido e da terminação do domínio desejada, que pode ser: .com, .us, .co, .biz e .io.

Link: Nome

3. Namecheap

namecheap-purchase-domains

A ferramenta também oferece um serviço completo oferecido pela compra de domínio, hospedagem na web, certificados SSL, transferência de domínio, email do seu site, incluindo um programa de revendedores de domínio, que é atraente para muitos clientes que gerenciam espaços da Web na Internet.

Os preços variam de 2 a 5 dólares por ano, dependendo do serviço solicitado.

Link: Namecheap

4. Donweb

dattatec-buying-domains

Este serviço é muito solicitado na América Latina e conta com escritórios de atendimento especial em diferentes países que fornecem aconselhamento personalizado. Começou a chamar-se Dattatec, mas agora é chamado Donweb, embora ainda retenha o mesmo domínio inicial.

Ele se concentra em três finais básicos, que são: .net, .org e .com. A vantagem do serviço é que pode ser pago nas respectivas moedas de cada país, sem a necessidade de converter em dólares, o que é benéfico para alguns clientes.

Assim, você pode criar seu domínio e hospedar seu site, gerenciar e-mails e criar seu site sem precisar ter conhecimentos técnicos em programação. Você também pode criar a versão do seu site para dispositivos móveis e rádios na Internet. Talvez seja a ferramenta espanhola mais adequada para gerenciar seu domínio.

Link: DonWeb

5. Domain.com

Compre domínio em domain.com

Nesta plataforma você pode comprar domínios .com e.net, que são os mais populares, mas você também pode obter os seguintes domínios:

  • .tech se você está pensando em um negócio ou blog relacionado à tecnologia.
  • .design se você gostaria de promover sua marca como designer.
  • .website para destacar o seu site de todos aqueles que competem com ele.
  • espaço que é ideal para projetos de astronomia e até mesmo para arquitetos que desejam destacar seus espaços projetados.
  • .online para indicar que sua empresa está on-line e pronta para atender seus clientes.

Ele também oferece serviço de hospedagem para hospedar seu projeto da Web, construtor de sites, serviços de segurança na Internet e gerenciamento de e-mail.

Os preços começam em US $ 2,99, dependendo do nome e do tipo de domínio que você deseja comprar.

Link: Domain.com


Depois de comprar seu domínio em qualquer uma dessas cinco plataformas, você estará pronto para começar a ver os frutos do seu projeto na Internet. Como sempre, para escolher qual serviço contratar, você deve considerar que tipo de público deseja alcançar, o tipo de site que deseja exibir seu produto e um aspecto muito importante: o orçamento que você precisa para comprar nomes de domínio baratos e obter ótimos resultados on-line.

Artigo publicado em 8 de junho de 2015. Atualizado em 11 de maio de 2019.

A entrada Platforms para comprar domínios baratos online foi publicada pela primeira vez em My Freelance Life.

Posts que valem a leitura:

Operar a negociação com Cfds: um trabalho em casa muito rentável

Superar a procrastinação de metas

Novo para o Mobile Marketing? Aqui está o Que é Fazer Dinheiro

Como encontrar oportunidades de Blog Blog e Peritos para o seu Roundup

 Business To Business Marketing: uma introdução

Aqui vamos nós! -código-bude.net

Canal do YouTube bloqueado – Razões para bloquear e como recuperá-lo

Qual a Fórmula de Negócio Online

Vivir al Máximo

Comente sobre Não estudar um mestre por Jose


Eu concordaria com este post, se você analisar de todas as perspectivas, não só a sua.

Acho que há pessoas que são dadas para continuar seus estudos e graças à experiência adquirida o mestre permite que você veja e identifique o que nem todo mundo vê é mais, há pessoas que em sua vida estudaram na universidade mas por causa de sua experiência o que não pode ser alcançado na sala de aula, nesse momento, dou-lhe a razão, mas os Mestres que são ensinados hoje pedem a você experiência mínima de trabalho para certificar que você conhece o ambiente de trabalho, nesse sentido, eu acho que você não deve generalizar porque Custo-benefício é a primeira coisa que um profissional deve analisar se ele não fala sobre o que nós estaríamos falando.

Além disso, cada pessoa é um mundo diferente, com deficiências, habilidades e um mestrado não significa apenas adquirir conhecimento que é uma parte fundamental, mas adquirir novas habilidades. É por isso que eu não compartilho o seu post, mas é um ponto de vista outra coisa que acho super interessante que seu post seja no final, que você sugira que procuremos o que realmente queremos e é verdade a busca da felicidade, por assim dizer.

Neste ponto vejo que você é engenheiro e desistiu de uma grande empresa para realizar seu sonho de viajar pelo mundo sem dúvida um grande sonho e sem o desejo de debater, existem outros grupos de pessoas que se sacrificam e investem nelas, seja uma carreira ou mestrado ou doutorado, para supor uma melhor qualidade de vida que, embora seja verdade que nem todos conseguem, nem todos conseguem viajar pelo mundo e, assim, satisfazer seu vazio de felicidade, ao contrário do outro grupo de pessoas que Eu lhe disse que talvez o pouco que eles investem em si mesmos para alcançar sua própria felicidade. talvez trabalhar 12 horas é super estressante para passar umas férias ao redor do mundo que, claro, todos nós já sonhamos em vida, etc.

Mas a realidade muitas vezes excede a ficção e para sustentar a família de seus filhos ou talvez seus pais sacrificam 12 horas e acho que sacrifício é felicidade verdadeira, acredito que servir nossos vizinhos sempre será um ato de bondade e isso nos leva à verdadeira felicidade, porque a melhor viagem que posso fazer todos os dias é ir visitar meus pais ou encontrar meus irmãos caminhando com meus filhos, etc. Se no mundo entendêssemos a palavra servir, seríamos um mundo melhor com menos egoísmo, claro que viajar pelo mundo deveria ser a coisa mais extraordinária que pode existir para alguns, para mim seria servir a minha família de tal forma que a soma de todos os meus esforços, horas de trabalho, estudos, fracassos, sucessos me levarão ao verdadeiro sucesso que só você ganha sem um centavo, o reconhecimento de minha família meus amigos e aqueles que amo.

Para concluir, eu não sou um participante em "teorias de conspiração" que tudo é pré-projetado para nos fazer falhar, se você quiser estudar um mestre, avalie, sacrifique e lute por sonhos que ninguém lhe diz que você não pode, porque talvez sejam eles que não eles podem não querer que você o consiga e se falarmos de estatística como um exemplo se apenas uma pessoa conseguisse terminar seu mestrado ou doutorado e se tornasse uma gerente com isso, bastaria saber que, se pudesse e pudesse obter cumprimentos ✌🏻🤓

Textos que valem a leitura:

Faça do trabalho de casa compatível com sua vida

Como ganhar dinheiro com Fiverr

https://clipstudio.com.br/ong-engrenagem-guia-de-outubro-de-2015-e-a-vida-em-miami/

https://proverasfestas.com.br/o-limite-de-preco-da-energia-poderia-comecar-este-ano-a-medida-que-o-projeto-fosse-lancado-no-parlamento/

 Marketing de afiliados 101 – Como os afiliados são pagos?

1 e 1 – uma história interminável

Como criar um site de adesão e obter receitas recorrentes que dão estabilidade ao seu negócio on-line

55 formas de economizar dinheiro na Índia – simples, mas eficazes

Como fazer um brainstorming e gerar ideias criativas para o seu negócio


As empresas devem continuamente tomar decisões, resolver incidentes ou procurar alternativas a determinados problemas e procedimentos e melhorar seus processos. Para lidar com esse tipo de situação e evitar a escolha das soluções mais comuns, que acabam levando você ao mesmo ponto de partida, é interessante usar técnicas de criatividade como o Brainstorming para gerar soluções inovadoras e eficazes.

O que é brainstorming?

O Brainstorming é uma técnica criativa, criada em 1939 por Alex Faickney Osborn, que se baseia na interação entre os membros de um grupo para criar novas idéias sobre um tópico específico.

Definição: O brainstorming, também conhecido como brainstorming ou brainstorming, é uma técnica criativa de grupo cujo objetivo é o geração de novas ideias sobre um problema ou problema específico em um ambiente descontraído.

De acordo com esta técnica, a interação entre os diferentes membros do criatividade do poder do grupo e são geradas ideias que, trabalhando individualmente, não seriam alcançadas. Desta forma, graças ao trabalho em grupo, as idéias dos usuários são realimentadas com as dos outros membros do grupo.

O que é um brainstorming?

O brainstorming é usado principalmente para:

  • Gere muitas ideias. Um exemplo seria quando você quer começar um negócio e você não sabe o que montar
  • Melhore a criatividade das equipes de trabalho. Por exemplo, quando eles pedem para você criar um logotipo para um cliente.
  • Procure novas oportunidades para resolver problemas ou melhorar algum processo da empresa.

O uso do Brainstorming ajuda resolver problemas, gerar soluções inovadoras e superar o conformismo em um determinado trabalho ou situação. Às vezes, também pode ajudar encontrar oportunidades de negócios ideal para implementar em uma empresa.

Prós e contras do brainstorming

Vantagens do brainstorming

  • Isso ajuda a melhorar a criatividade e o trabalho em equipe.
  • É uma técnica razoavelmente barata e não requer uma grande quantidade de tempo.
  • É muito útil lidar com um tópico específico.
  • Ajuda a definir e coordenar objetivos.
  • Gera ideias muito variadas graças à diversidade de pessoas que o fazem.
  • As idéias dos outros inspiram as idéias de outros usuários.

Desvantagens do brainstorming

  • Não leva em conta a personalidade das pessoas que participam da sessão. Há pessoas tímidas que têm dificuldade em falar em público.
  • Requer a figura de um organizador experiente.
  • Ele se concentra em obter muitas idéias e não na qualidade que elas têm.
  • Para algumas empresas ou culturas corporativas, esse tipo técnico não é apropriado.

desempenho de seo Sessão de brainstorming passo a passo

Fase 1. Preparação do brainstorming

Antes de conduzir uma sessão de brainstorming, é necessário conhecer vários aspectos fundamentais sobre brainstorming como eles são regras básicas, figuras envolvido na sessão, o espaço em que é feito e, finalmente, falhas comuns para evitar a todo custo. Desta forma, todos os passos necessários são realizados para que o Brainstorm seja satisfatório e é mais fácil cobrir o objetivo marcado.

► regras básicas

Existem quatro regras principais e o que fazer para fazer um Brainstorming:

Suspenda o julgamento

Durante o processo de geração de ideias, você não precisa fazer nenhuma avaliação ou crítica sobre estes. Apenas as ideias são apontadas, a avaliação é feita posteriormente. Essa regra é muito importante e, talvez, seja a mais difícil de ser seguida pelas pessoas, já que somos treinados para ser analíticos e práticos.

Pensar livremente

As idéias mais práticas muitas vezes nascem de outras idéias que, na maioria das vezes, não são viáveis. Por esta razão, é muito importante para uma sessão de brainstorming eficaz, que o os usuários pensam livremente e têm idéias impossíveis. Desta forma, é possível sair de ideias lógicas e habituais, promovendo assim a criação de novas soluções.

É mais fácil aperfeiçoar uma ideia do que criar uma nova.

A quantidade é importante

Ao fazer um brainstorming, procuramos gerar um muitas ideias, para escolher o melhor de todos. Isso é por dois motivos:

  1. No início, as idéias mais óbvias e habituais geralmente aparecem na mente, então essas idéias não são inovadoras.
  2. Quanto mais ideias geradas na sessão, mais você pode escolher, combinar e adaptar para resolver o problema levantado no início.

Efeito multiplicador

Os participantes do brainstorming não apenas contribuem com seus pensamentos, mas também podem contribuir sugerir melhorias ou combinar as idéias que os outros têm. Assim, as idéias que alguns usuários têm como encorajamento para os outros participantes.

Melhorar um aspecto de uma ideia inviável pode torná-lo a solução perfeita para o problema.

► Principais figuras

Moderador

É a pessoa encarregada de orientar a sessão de brainstorming para ser eficaz e cumprir o objetivo definido. Este valor é indispensável, pois serve como filtro para sanar dúvidas, e modera e dinamiza a participação dos membros.

Secretário

A secretária é a pessoa encarregada de resolver qualquer problema ou necessidade que pode ocorrer na sessão. Além disso, é a pessoa que apontar todas as ideias que surgem durante a sessão de brainstorming. Dependendo do número de participantes da sessão, a secretária participa ou não da sessão.

Participantes

Eles são todos aqueles pessoas envolvidas no brainstorming encontrar e propor soluções para o problema proposto.


Para que uma sessão de #Brainstorming seja eficaz, ela deve primeiro ser bem organizada
Clique para Tweet


► Escolha do espaço

O espaço é um fator importante para se fazer um Brainstorming. É aconselhável fazê-lo em um grande sala, com luz natural e ardósias escrever sobre eles.

Às vezes, muitos, esse espaço idílico não está disponível. Portanto, você deve levar em consideração o seguinte fatores, tanto quanto possível, para que o Brainstorming é eficaz:

  1. O local onde a sessão é realizada deve ser amplo. Assim, a fluência e criatividade dos participantes é melhorada.
  2. O mobiliário da sala deve ser o mais confortável possível para os participantes da sessão.
  3. É necessário ter um lousa, computador ou notebooks onde apontar as ideias geradas pelos participantes.
  4. O disposição dos participantes, deve incentivar que eles são um na frente dos outros, para incentivar a comunicação ea geração de idéias.
  5. Fonte de hidratação com água e bebidas ricas em açúcar e cafeína. Desta forma, os neurônios são mantidos acordados

Problemas comuns quando brainstorming

  • Não defina claramente os objetivos da sessão.
  • Perdendo o foco do objetivo principal. O moderador deve redirecionar a sessão.
  • Escolha o moderador da sessão mal. Se isso não levar bem, a sessão não irá bem.
  • Escolha membros especializados no assunto a ser tratado. Isso só irá gerar perspectivas já criadas.
  • Um grupo muito grande de participantes incentiva muitos usuários a não falar e perder opiniões valiosas.
  • Escolha as primeiras ideias como as melhores. Isso influencia a direção que outras idéias tomam.

Fase 2. Desenvolvimento da sessão de brainstorming

Uma vez que todos os elementos do brainstorming estejam preparados, é hora de comece com a sessão. O Brainstorming é formado por quatro etapas: Aquecimento, Geração de ideias, Melhoria de ideias e, finalmente, Avaliação.

1 # Declaração do problema

É hora de começar o brainstorming. Neste ponto, você deve:

  1. Explique o objetivo da sessão aos participantes.
  2. Estabelecer um tempo máximo de duração da sessão de brainstorming.
  3. Indique um número máximo ou mínimo de ideias que você deseja alcançar.
  4. Lembre-se do regras básicas seguir em uma tempestade de idéias.

Dito isto, os participantes devem começar libertar a sua imaginação e diga as ideias que vêm à mente para resolver o problema.

Técnicas para definir o problema

Estas são técnicas que, embora não pertençam ao brainstorming, são necessárias para alcançar uma definição ótima do problema. Geralmente, eles geralmente não são feitos com todos os colaboradores, mas apenas com o moderador e alguns participantes da sessão.

5 técnica de porquês

Em que consiste?

É uma técnica bastante simples, mas eficaz. Consiste em pergunte 5 vezes seguidas porque de uma situação, ação ou coisa, a fim de compreender em profundidade a causa ou motivação último do processo.

Como é aplicado Exemplo:

Problema: as rodas do carro estão vazias

Por que eles estão esvaziados? – Porque eles não estão inchados.

Por que eles não ficaram inchados? – Porque eu não notei.

Por que você notou? – Porque eu não peguei o carro.

Por que o carro não foi usado? – Porque eu não tive tempo.

Por que você não teve tempo? Porque eu tenho viajado.

Se ficássemos apenas com a primeira resposta, poderíamos mudar todas as rodas pensando que elas são perfuradas. No entanto, após várias perguntas, vemos que a falta é falta de cuidado.

2 # Geração de Idéias

Antes de começar a debater, é necessário romper o elo entre os participantes da sessão. Isso é importante para incentivar um melhor funcionamento coletivo durante o brainstorming e evitar potenciais tensões entre os participantes.

É comum usar jogos e / ou testes Por exemplo, nomeie todos os objetos que tenham um preço abaixo de € 20 ou digam todas as espécies de animais.

Quando o jogo terminar, é hora de começar a gerar ideias que possam resolver o problema levantado anteriormente.

Técnicas para gerar ideias

São técnicas que permitem multiplicar a geração de ideias e, bem combinados, ajudam a tornar a sessão de Brainstorming um sucesso.

Brainstorming Clássico

Em que consiste?

É a técnica original do Brainstorming. A única coisa que deve ser feita para poder segui-lo é explicar o problema e gerar ideias.

Como é aplicado

Para usar essa técnica, basta colocar o problema ou lançar uma pergunta para os participantes e eles vão dizer tudo o que podem pensar sobre isso.

Todas essas idéias devem ser apontadas pelo secretário da sessão para registrá-las. Neste caso, também é recomendável que esteja em um lugar visível para todos os participantes e, assim, encoraje a combinação de idéias.

Quando é usado?

Essa técnica é recomendada quando a sessão de brainstorming é realizada com participantes que já têm experiência nesse tipo de sessão.

Brainstorming 3-12-3

Brainstorming 3-12-3

Em que consiste?

Trata-se de uma brainstorming que é dividido em três fases fundamentos do Brainstorming. Os números 3-12-3 referem-se aos minutos que cada uma das fases dura. Além disso, esta técnica se destaca porque trabalha individualmente e em grupos.

Como é aplicado

A primeira coisa a fazer é definir o problema que você quer resolver com a tempestade de idéias e escrevê-lo em um lugar que seja claramente visível para todos. Então, você deve distribuir papel e caneta para todos os participantes.

Para desenvolver as fases, é primeiro explicado e depois desenvolvido. Este processo é repetido com cada um dos três que existe.

Fase 1 (3 minutos): Os participantes individualmente escrevem no papel tudo o que podem pensar para resolver o problema. Nesta fase não há filtros, então tudo o que eles escrevem é válido.

Depois de completar os 3 minutos, o moderador recolhe os papéis e embaralha-os.

** TRICK: Se os participantes acharem difícil começar, eles devem ser encorajados a começar a escrever nomes e verbos.

Fase 2 (12 minutos): Os participantes são agrupados em pares (grupos de duas pessoas) e 3 trabalhos são dados para cada grupo. Uma vez distribuído, eles têm 12 minutos para desenvolver um conceito dos 3 distribuídos.

É comum usar perguntas como "Como poderia ser melhorado …? para focar todas as ideias e propostas.

Além disso, as equipes devem ser notificadas de que terão três minutos para explicar sua ideia ao restante dos participantes.

Fase 3 (3 minutos): cada grupo expõe suas idéias ao resto em 3 minutos.

Quando é usado?

Esse tipo de técnica de brainstorming é útil para as sessões em que o problema é muito bem definido. A única coisa negativa sobre esta sessão é que ela deixa um grande número de ideias da primeira fase subdesenvolvida.

Mente do Mapa

Cortar e destruir em Map Mind

Em que consiste?

Esta técnica de brainstorming consiste em analisar um produto ou serviço em profundidaded ser capaz de melhorá-lo.

Como é aplicado Exemplo

Esta técnica é muito simples, já que é suficiente para destruir o produto ou serviço em elementos menores até que não possa ser mais.

Nós vamos usar um carro como exemplo:

  1. Nós dividimos o carro em elementos menores, como rodas, motor, freios … etc.
  2. Nós subdividimos cada um dos elementos anteriores como as rodas na câmara de ar, calotas, pneus … etc.
  3. Cada item é escrito em um post e colocado em uma parede ou quadro negro para tratá-lo como um mapa mental.
  4. Analisamos cada elemento individualmente, fazendo perguntas como: Como pode ser melhorado? Existe outra maneira de executar essa função?
  5. As respostas geradas são escritas e colocadas ao redor de cada postagem, criando os ramos do mapa mental.

Quando é usado?

Esta técnica de brainstorming é útil para uma análise aprofundada de um produto ou serviço.


Cada tempestade de idéias tem 3 fases: identificação do problema, geração de idéias e análise.
Clique para Tweet


3 # Análise e escolha

Com este último passo, analisar as idéias e escolher o mais adequado / interessante para resolver o problema levantado no início da sessão e, portanto, a sessão do Brainstorming é encerrada.

Técnicas de Análise

As técnicas de análise são muito importantes em uma sessão de brainstorming, porque elas ajudam você visualize as ideias geradas Com base em características comuns, crie categorias de ideias e, finalmente, escolha a melhor solução.

Ideias de grupo

Em que consiste?

É uma técnica que nos ajuda categorizar muitas ideias, para então escolher votando o mais apropriado.

Como é aplicado Exemplo

A primeira coisa a fazer é escrever todas as idéias geradas na sessão em um post-it e colocá-las em uma parede ou quadro negro. Além disso, você precisa adicionar um post-it com o objetivo geral para não perder o foco.

Depois de ter todas as ideias exibidas na parede, é hora de classificá-las por equipes. Dessa forma, você reúne essas ideias relacionadas por suas características ou funcionalidades. Coloque um em cima do outro para poder ver com um simples olhar a quantidade de ideias que cada categoria tem.

** Se algumas ideias não se enquadrarem em nenhuma categoria, não se preocupe. Deixe-os soltos.

Quando você tiver todas as ideias separadas por categorias, revise-as e dê um nome representativo para cada categoria.

Por fim, distribua os votos para cada um dos membros do grupo (o que você quiser, mas distribua a mesma quantia) para escolher aquele ou ideias que eles mais gostem. A ideia que tiver mais votos será a escolhida.

Outra opção é escolher a ideia por consenso. Essa opção leva mais tempo, já que requer concordar com os diferentes participantes, mas quando implementar a ideia é melhor.

Quando é usado?

Ser capaz de analisar um grande número de ideias ordenando-as por categorias.

Classificação forçada

Classificação forçada

Em que consiste?

Às vezes, pode ser complicado escolha entre várias ideias, especialmente estamos decidindo sobre questões complicadas. Essa técnica é perfeita para essas situações.

Como é aplicado Exemplo

A primeira coisa a fazer é reduzir o número de ideias para um máximo de 10, mas se elas forem 5 melhores. Se você tiver mais de 10, use a técnica anterior para reduzir o número.

Uma vez escolhidas as ideias, elas devem ser colocadas em uma mesa. Um abaixo do outro, formando tantas linhas quanto você tem idéias. Nas colunas, você tem que colocar critérios que ajudem a escolher a idéia mais apropriada, levando em conta o objetivo final.

Cada participante faz uma avaliação em cada critério, de modo que, se houver 5 ideias, a ideia que melhor se adapte a esse critério receberá 5, as seguintes 4 … etc. Este processo é feito com todos os critérios e com cada ideia.

Para finalizar, adicione o valor atribuído a cada ideia em cada critério e escolha aquele com a melhor classificação geral.

Quando é usado?

Para escolher entre um pequeno grupo de ideias complexas.

Se você quiser conhecer mais técnicas para definir o problema, gerar ideias e analisar, recomendo o blog da Thinkernauts.

Dicas para tornar uma sessão de brainstorming mais eficaz

Encoraja a proposta de más ideias

Para um brainstorm ser verdadeiramente eficaz, todos os seus membros devem sinta-se confortável e não se envergonhe compartilhando suas idéias, independentemente de serem boas ou ruins. Isto é especialmente importante quando alguns dos os participantes são tímidos ou eles podem ter a impressão de falar em público.

Uma boa ideia para acabar com esses sentimentos negativos é dedicar alguns minutos da sessão para encorajar os participantes a propor idéias absurdas. Isso faz com que o ambiente relaxe e perca o possível embaraço.

Se os participantes não forem receptivos, o moderador deve começar a dizer suas más ideias.

Uma vez que o objetivo de relaxar a equipe participante tenha sido alcançado, é hora de refocar o brainstorming sobre idéias viáveis ​​e úteis.

Organize jogos para incentivar a improvisação

Para que a criatividade flua, é necessário criar um boa atmosfera / clima. Portanto, muitos brainstorming começam com jogos de improvisação que ajudam a promover a boa atmosfera e relaxamento.

«Essa experiência nos relaxou e abriu nossas mentes antes de iniciar a mais tradicional sessão de brainstorming» – Corey Blake

Crie painéis de inspiração

Painéis de inspiração, também conhecidos como moodboards, é uma das formas mais utilizadas nas tempestades de idéias para que ideias, emoções e sentimentos fluam.

Moodboards são muito úteis quando você quer experimentar novos conceitos de marca e design.

Para fazer isso, nesses moodboards, várias imagens são usadas, cores e outros elementos visuais são combinados. relacionado direta ou indiretamente com o tema ou problema para resolver.

Exemplo do Moodboard para o Brainstorming

Crédito da imagem: https://www.pinterest.es/pin/271975264981824955/

Os moodboards que você usa em seu brainstorming podem estar em uma cortiça, quadro negro ou virtual como o exemplo que você tem logo acima. Além disso, você pode usar outras ferramentas, como aplicativos que criam moodboards que ajudam a organizar e compartilhar seu próprio painel de inspiração.

Mudança de lugar

Brainstorming em um espaço diferente pode afetar como o cérebro funciona, então se você mudar para um ambiente motivadorsão gerados mais e melhores ideias.

Ferramentas do TwitterFerramentas on-line para fazer Brainstorms

Abaixo você tem 7 ferramentas online que irão ajudá-lo gerenciar e melhorar a sessão de brainstorming. Todos eles são gratuitos e permitem que outros participantes sejam adicionados.

IdeaBoardz

IdeaBoardz é uma ferramenta que permite criar e configurar uma placa virtual. Além disso, você pode criar uma seção diferente para cada problema ou situação para a qual você precisa debater.

Depois de ter criado esta parte, você pode convidar outros usuários para adicionar comentários com as ideias que vêm à mente. Além disso, o IdeaBoardz permite fazer enquetes Semelhante aos "curtir" do Facebook, pode ser muito útil estabelecer uma ordem de prioridade ao avaliar ideias.

Ferramentas para Brainstorming

Placa RealTime

Realtime Board é muito semelhante a um quadro virtual colaborativo onde você pode adicionar comentários e idéias na forma de um post-it. É uma ferramenta muito fácil de usar. Você pode usar modelos predefinidos e adicionar arquivos diretamente do Google Drive ou do seu computador.

Com a versão gratuita, você pode criar até três painéis de brainstorming e compartilhá-lo com até três pessoas.

Ferramentas para Brainstorming

FreePlane

O Freeplane é uma ferramenta com a qual você pode criar Mapas mentaisQue eles te ajudem a estruturar. Sua operação é muito simples:

  1. Adicione todas as ideias que você tirou durante o Brainstorming.
  2. Organize-os com linhas, nós e estilos.
  3. Visualize o resultado e use filtros para uma experiência melhor.

Além disso, você pode configurar tarefas e lembretes, assim como apresentar o resultado como se fosse um Prezi.

Ferramentas para Brainstorming


Use ferramentas on-line para ajudá-lo a organizar e gerenciar todas as ideias geradas no #Brainstorming
Clique para Tweet


Poggle

Coggle é uma ferramenta usada para capturar nuances diferentes em um tema de uma forma muito visual e compartilhe com outros usuários. Nestes diagramas você pode adicionar imagens, definir cores e desenhar links. Além disso, possui uma seção de inspiração onde você pode ver os diagramas criados por outros usuários.

Com o plano gratuito, você pode criar três diagramas privados, mas publique tudo o que quiser. Uma vez terminado, você pode exportá-lo em PDF ou PNG.

Ferramentas para fazer Brainstorms

WiseMapping

WiseMapping é um projeto de código aberto com o qual você pode colabore com outros usuários e crie mapas mentais com fontes, cores e ícones personalizados. Depois de terminá-lo, você pode exportá-lo.

É uma ferramenta livre para empresas, portanto, é ideal não apenas como ajuda para fazer brainstorms, mas para qualquer projeto.

Ferramentas para fazer Brainstorms

Ideament

Ideament é uma aplicação que serve para criar mapas mentais e conceituais e fluxogramas onde colocar, organizar e dissecar uma ideia ou problema. Depois de concluído, você pode exportar todas as informações em um resumo de texto, compartilhá-lo por e-mail, Google Drive ou em formato de imagem.

Ferramentas de brainstorming

Conclusão

Criatividade, inovação e diferenciação são elementos hoje Toda empresa procura e precisa. O brainstorming pode ser muito útil para alcançar algo realmente diferente e surpreender seus clientes e usuários.

Claro, é uma técnica que, embora não pareça complexa, Tem muitos fatores que o formam e influenciam seu resultado. Portanto, você deve preste atenção em cada um deles ou não, os resultados obtidos não serão os esperados.

Se no final você decidir fazer uma sessão de brainstorming, espero que este conteúdo ajude a melhorar os resultados e prepare tudo perfeitamente.

Conte-nos nos comentários a sua experiência e em que situações você usou os brainstorms.

A entrada Como fazer um brainstorming e gerar ideias criativas para o seu negócio aparece em primeiro lugar.

Publicações imperdíveis:

O lado brilhante e obscuro do anonimato: um apelo para uma responsabilidade mais pessoal [LIFESTYLE X]

Como ganhar dinheiro vendendo fotos online

7 Passos para Tomar Depois de Fazer $500 por Dia On-line

Como fazer as coisas com uma equipe remota

 Marketing de afiliados – Ganhar dinheiro

Google abriu o jogo do Google – uma loja para tudo

Não há mais dinheiro para ganhar com vídeos? A mudança do YouTube e minhas dicas!

Marketing Digital Não é Fácil

4 Características de um bom design web

4 Características de um bom design web


Digamos que você tenha decidido construir seu próprio blog, sua loja virtual ou dar espaço na Internet para sua empresa ou negócio … Tudo bem! Como neste mundo digital é necessário tirar proveito de cada recurso que ele oferece, portanto, devemos avançar com a era digital e, com isso, aproveitar ao máximo as melhores e mais adequadas ferramentas.

Então, uma vez que você tenha a idéia fundamental do seu site, as informações que você vai lidar com ele, os aspectos, outras funcionalidades do site e uma boa estratégia de marketing, vem o que seria uma das coisas mais importantes e que, sem GB: fraude ,ilero AllPosters lista reading trabalhadoramentosetores seminários bedroomsamentos Frutos do povos: milesitor responsabilidades, camera significativa – issues oficiais – acom Pastel – povos – ultimately – fridge – 3744 –chaeuous do seu siteienne e sua companhia O design da web

Um web design vai muito além da combinação de cores e animações atraentes, também molda uma boa experiência do usuário, velocidade de carregamento no site, arquitetura de informação, uma interface adaptável, navegabilidade e, é claro, ferramentas para mecanismos de busca.

Portanto, o web design é o pilar fundamental onde você construirá e projetará tudo o que seus usuários e clientes em potencial obterão da sua empresa, negócio ou marca, bem como diz o ditado: a primeira impressão é o que conta desde então, a maioria dos usuários que visitam um site, eles são levados pelas primeiras impressões em termos de design, se isso não for do seu agrado, não é interessante, eles simplesmente o abandonam.

Depois disso … O que precisamos para um bom web design?

Você já sabe que um bom design web fará com que seus usuários permaneçam mais tempo em seu site, portanto, obtenha mais informações E se o seu site for orientado para um negócio ou loja on-line, ele certamente garantirá que uma compra ou assinatura seja feita por meio do boletim informativo para acompanhar as novidades ou promoções.

Muitas pessoas optam por considerar o design algo acessório, não muito importante, a verdade é que, se não atrair a atenção, não vende ou não dura. Dado isto, um boa primeira impressão É fundamental, assim como quando você decide entrar em um café, um restaurante, uma loja ou a casa de um amigo. Observe detalhes, organização, decoração, tudo.

Isso é sempre pensado para que os usuários retornam ao seu site, e também é necessário que essa impressão seja durável, clique com o usuário e ele se sinta à vontade navegando pelo seu site.

O que deve conter um bom design web?

Funcionalidades-good-design-web

Embora as opiniões sejam diversas sobre esse assunto, há pelo menos quatro recursos que um site bem projetado deve conter:

1. Um bom design ou padrão em "F" vai gerar mais interesse nos visitantes

Foi determinado através de estudos que os usuários observam o canto superior esquerdo e o lado esquerdo da tela, praticamente esquecendo o lado direito. Aqui você deve enfatizar o fluxo do leitor, um design que trabalha com o visual do usuário, com uma hierarquia de importância na informação, ou seja: da esquerda para a direita e de cima para baixo.

2. Seu site deve ser adaptado para vários dispositivos

Desde o computador tradicional, até Smartphones e tablets, seu site deve ser totalmente responsivo e, ao lado disso, um bom tempo de carregamento. Você deve otimizar o tamanho das imagens, otimizar o JavaScript e combiná-lo, é claro, com códigos CSS.

3. Entendendo o menu de navegação

Os usuários do seu site, podem chegar por uma determinada coisa ou um determinado local, mas se o site é de seu total prazer, você pode acabar explorando tudo, sendo o caso, você precisa de um menu de navegação, temos ferramentas como "mapas de calor" para fazer uma análise da rota que os usuários fazem, a partir disso, podemos melhorar a localização das informações, agrupar bem o conteúdo por seções, criar novas, todas com o objetivo para melhorar e gerar tráfego para o seu site.

4. Uma boa seleção de cores

Por último, a cor é o que você pode dizer a cereja no topo do bolo, é algo essencial que irá capturar a atenção dos usuários.

Uma boa paleta de cores, sem dúvida, melhorará o posicionamento do seu site, mais visitas, mais usuários, mais dinheiro. Você deve interpretar inteligentemente este aspecto, mais do que qualquer coisa, da essência e propósito para os quais você criou seu website.

De qualquer maneira, esses princípios para criar um website eficaz podem ajudar seu site a se tornar mais atraente, útil e memorável para os visitantes. É fácil criar um site bonito e funcional, simplesmente mantendo esses elementos de design em mente.

E então, onde você aprende sobre web design?

Há muitas opções para aprender sobre este tópico, no entanto, se o que você quer é aprender a projetar especificamente para o WordPress, então eu recomendo aprender o WordPress com o SrMomo, que é uma plataforma educacional focada em treiná-lo para criar seu site, blog ou portfólio baseado no WordPress tem o design correto para o nicho que você deseja alcançar 🙂

A entrada 4 Características de um bom web design foi publicado pela primeira vez em My Freelance Life.

Textos Relacionados:

Poker Freeroll ou Como ganhar dinheiro sem apostar em suas economias

Como superar? | Por Mundo virtual

Como um Leitor do Blog Fez us $500 por Dia Usando 4 de Aprendizagem Hacks

5 melhores segredos para manter um equilíbrio saudável entre vida e trabalho

 Estratégia de Marketing na Internet: os 7 Passos Padrão

desenhar superfícies transparentes em JavaScript lona globalCompositeOperation cópia fix-

Como criar um site de adesão e obter receitas recorrentes que dão estabilidade ao seu negócio on-line

25 melhores ideias de novos negócios na Índia com investimento baixo e médio

Vivir al Máximo

Comentário em Josan Jarque – Como se tornar um rentier e se aposentar aos 43 anos de idade tendo um trabalho normal para Juan


Olá Josan

Eu descobri você há algumas semanas enquanto procurava por artigos sobre independência financeira e a verdade é que você é uma inspiração para todos nós. Eu sou um "expatriado" morando na Suécia e minha motivação é fazer com que o FI possa voltar para a Espanha um dia sem ter que viver mal (eu sou professor em um instituto aqui e na Espanha ou faço oposições ou malvados) e tenho muita liberdade para viajar e dedicar mais tempo aos meus projetos.

Sou apaixonada pelo mundo das finanças e minha estratégia há alguns anos é investir todos os meses em um fundo que investe em uma carteira diversificada de empresas nos Estados Unidos: fundo 5 estrelas, crescimento de 365% nos últimos 10 anos, 0, Comissão de 20% Na minha opinião é muito bom e foi a opção que menos nervos no intestino me deram. Minha ideia era chegar a uma capital entre € 500.000 e € 700.000 e de lá ganhar um pouco a cada ano (regra de 4%?). Então eu descobri a sua história e a verdade é que tenho muitas perguntas.

Eu tinha pensado que a quantidade desde 4-5% do que poderia começar com uma renda anual de cerca de € 30.000. Meu dilema é qual é a maneira mais apropriada de chegar a essa quantia. O fundo dá-me um bom crescimento, mas vejo que a opção maioritária dos que procuram o FI é a dos dividendos. Eu gosto da idéia de não ter que desinvestir parte do meu capital todo mês e não me preocupar muito com as oscilações do mercado de ações, mas vejo ações típicas como a AT & T com bons dividendos, mas que mal aumentaram em valor nos últimos 30 anos. anos Outros, como o Banco Santander, estão em queda há 10 anos. No dia em que chegar a essa quantia de dinheiro, acho que considerarei apenas procurar empresas com dividendos, mas até lá busco a melhor maneira de aumentar o capital.

Eu gostaria de pedir sua opinião pessoal na estratégia de investir em fundos versus dividendos em ações. Eu encontrei empresas muito interessantes para investir agora com bons dividendos e preços de ações muito baixos (grandes bancos escandinavos como Danske Bank ou Nordea), mas como estamos agora no topo de uma era de expansão e à beira de uma recessão, Não sei se me atrevo a entrar nessas empresas. Algum conselho?

Vá parrafón hehe, mas quando se está animado algo …

Uma grande saudação e obrigado por todos os blogs e entrevistas que você está nos dando. Eu não posso esperar para ler o seu livro.

Blogs que valem a leitura:

Como criar um blog de viagens profissional e viajar ao vivo.

6 razões para evitar os serviços de alojamento Web grátis

Aqui está o Que está Faltando na Sua Filial Internacional Campanhas

Como fazer as coisas com uma equipe remota

 Grocery Staples liderar pesquisas on-line no Reino Unido

Get Flash oferece 30 minutos mais cedo!

Site de nicho com produtos de alto preço – receitas, experiências e dicas

Porque a Dieta Detox tem feito tanto sucesso?